Encontro reúne 500 Fusca e outros VW clássicos em Águas de Lindoia

Primeiro Encontro Brasileiro de VW Clássicos ocorreu entre os dias 23 e 25 de agosto. Fusca foi estrela maior

fusca
Modelos produzidos entre 1940 e 1990 foram aceitos no evento Crédito: Foto: Gerson Douglas Ampessan/Divulgação

O 1º Encontro Brasileiro de VW Clássicos reuniu mais de 500 unidades no último fim de semana em Águas de Lindoia (SP). O evento promoveu o encontro de modelos da Volkswagen produzidos entre 1940 e 1990. Todos os carros da marca foram recebidos, mas o Fusca e derivados tiveram atenção especial.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

Durante o evento alguns prêmios foram distribuídos. Um Gol BX de 1984 foi o vencedor da categoria Originais. Um Fusca de 1946 levou a categoria Relicário e outro besouro, de 1952, levou o VW Classic. Um Karmann Ghia de 1958 foi premiado na categoria Restaura Kar, de modelos restaurados. Entre os modificados, um Fusca de 1995 levou o prêmio.

“Foi um evento com nível nacional para colecionadores e amantes da marca Volkswagen”, afirmou um dos organizadores, André Takeda. A segunda edição deverá ocorrer em 2020.

Fim do Fusca

Depois de anos e produção, idas e vindas no Brasil e muitos marcos históricos, o Fusca parou de ser produzido definitivamente. A VW do México anunciou recentemente o fim da fabricação do modelo. Ele só era feito no país da América do Norte.

Foram três gerações do besouro. A primeira é um dos carros mais icônicos da história no Brasil, e que será homenageada em Lindoia. A segunda foi chamada por aqui de New Beetle, e era uma releitura moderna do carro histórico.

Na terceira e última, o carro voltou a adotar o nome de Fusca no mercado nacional.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas