Lançamentos

Shineray lança moto barata de R$ 7 mil com estilo retrô e voltada ao delivery

Nova moto da Shineray chega em outubro para ser uma das mais baratas à venda no Brasil; SH 125 Worker tem foco em serviços de delivery

Vagner Aquino, especial para o Jornal do Carro

21 de set, 2021 · 4 minutos de leitura.

Shineray" >
Modelo chega em outubro por R$ 7.290 para brigar pelo segmento de 125 cc
Crédito:Shineray/Divulgação

A pandemia da Covid-19 fez os serviços de entrega crescerem em ritmo acelerado. E é de olho nesse público que trabalha com Delivery que a Shineray lança, em outubro, uma nova moto de entrada. Com estilo retrô, a SH 125 Worker terá preço acessível R$ 7.290, valor que torna a moto da marca chinesa uma das mais baratas do mercado brasileiro.

Com preço abaixo de modelos como Honda Biz e Yamaha Factor (ambas de 125 cc), a novata da Shineray foca no custo-benefício. A chinesa, que produz em Pernambuco, inspirou-se no design Cafe Racer - que remete a modelos da década de 1960.

Ou seja, a pegada retrô é um dos pontos altos da SH 125 Worker. Tem banco quase reto, guidão levemente elevado e rodas raiadas pretas. O grande farol redondo, claro, não poderia faltar.

Shineray
Shineray/Divulgação

O visual, dessa forma, reúne elementos vintage com um toque esportivo. Entretanto, a proposta é priorizar a ergonomia e o conforto, justamente para agradar quem passa o dia pilotando. Em termos de estilo, a SH 125 Worker estreia com três opções de pintura: preta fosca com banco preto, preta fosca com banco marrom, e prata fosca com banco preto.

Procura aumenta com pandemia

"Percebemos o crescimento do delivery, que está consolidado como fonte de renda para uma fatia considerável da população", explica o diretor de Supply Chain da Shineray do Brasil, Thomas Edson. A marca usou como referência um estudo recente do instituto Locomotiva Pesquisa & Estratégia (SP). Os números apontam que 11,4 milhões de pessoas entraram no ramo entre 2020 e 2021, devido à pandemia do novo coronavírus.



Para dar conta do recado, a Shineray SH 125 Worker, então, traz um motor monocilíndrico OHC de 2 válvulas a gasolina. Ele produz 7,2 cv de potência a 7.500 rpm e um torque máximo de 0,82 mkgf a 6.000 giros. Na ficha técnica, entretanto, não há especificação do número de relações de marchas do câmbio.

A suspensão dianteira tem garfo telescópico. Por fim, as dimensões de comprimento, largura e altura são de, respectivamente, 1,89 metro, 78 centímetros e 1,04 m. Já a distância mínima do solo fica em 200 milímetros, e o peso é de apenas 98 kg Ou seja, a nova moto da Shineray promete ser econômica e ágil no trânsito urbano, além de ter estilo único.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se