Bolsonaro quer CNH com 40 pontos e banir radar móvel

Presidente Bolsonaro falou que quer aumentar pontuação limite da CNH, acabar com radares móveis e simuladores de auto escola

bolsonaro
PRESIDENTE BOLSONARO QUER EXTINGUIR RADARES MÓVEIS Crédito: FABIO POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltou a falar sobre mudanças no trânsito do Brasil. Em viagem a Cascavel (PR), levantou novamente a questão de aumentar a pontuação e a validade da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e também acabar com os radares móveis.

No vídeo, o presidente responde algumas perguntas e fala mais uma vez sobre o assunto: “Vou te dar uma boa notícia. Eu devo, na semana que vem, depende do presidente da Câmara, se será projeto de lei ou medida provisória, mexer no Código Nacional de Trânsito, onde a gente passa para 40 o numero de pontos. O ideal era passar para 60, mas a gente teria dificuldade. E, também, a validade da carteira de motorista, de cinco para 10 anos”, afirmou.

A pontuação a qual o presidente Bolsonaro se refere é o limite de infrações que um motorista pode cometer no trânsito durante um ano. Atualmente, a pontuação máxima é de 20 pontos, e quando atingida, a CNH é suspensa.

Radares

No mesmo vídeo, o presidente falou também que pretende desativar todos os radares de velocidade instalados em rodovias. Segundo ele, já engavetou pedidos de instalação de outros 8 mil radares. Isso teria sido acertado com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes.

“Fiquei acertado com ele que todo e qualquer radar ou pardal (gíria para radares), uma vez vencendo o seu prazo [de licitação] nós não revalidaremos isso daí”.

Fim dos simuladores

O presidente também disse que quer acabar com os simuladores, que hoje são obrigatórios durante o processo para ter a CNH como complementação na formação de condutores. “Pretendemos acabar com os simuladores para diminuir o preço da carteira de motorista, que está quase R$ 2 mil. É um absurdo gastar quase R$ 2 mil para uma carteira de motorista”, completou.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas