Fiat Fastback PCD
Fiat/Divulgação

Carros PCD voltam ao mercado com novo teto de isenção; veja lista

Teto de isenção do ICMS para o público PCD subiu de R$ 100 mil para R$ 120 mil; aumento é válido desde janeiro de 2024

Por Jady Peroni 19 de fev, 2024 · 6m de leitura.

Desde janeiro de 2024, o teto de isenção do ICMS para o público PCD subiu no estado de São Paulo. De acordo com o Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), o valor passou de R$ 100 mil para R$ 120 mil. No entanto, vale lembrar que a isenção total permanece apenas sobre o valor de R$ 70 mil. Ou seja, o cliente tem de pagar o imposto proporcionalmente ao valor do veículo.

Seja como for, mesmo como aumento, as opções ainda são escassas nessa faixa de preço, visto o aumento expressivo nas tabelas dos carros 0-km. , na faixa dos R$ 70 mil, por exemplo, há apenas duas opções no mercado: Fiat Mobi e Renault Kwid, que estão com descontos até o final de fevereiro. Mas, o teto de R$ 120 mil abrange mais opções de veículos para conseguir o desconto parcial.

Renault/Divulgação
Renault/Divulgação

Carros que entram no desconto para PCD

Entre os modelos de entrada, por exemplo, toda a linha Onix entra na isenção parcial. Afinal, o hatch parte de R$ 86.150 na versão de entrada e alcança R$ 117.480 na configuração Premier Turbo. O sedã Onix Plus e a Spin também entram na faixa do desconto. Além disso, a Chevrolet anunciou uma redução de preço para o SUV Tracker se encaixar no teto de R$ 120 mil. A versão básica, que não tem sobrenome, ganhou desconto de mais de R$ 11.000. Dessa forma, baixou de R$ 130.290 para R$ 119.900.

A linha do HB20 e HB20S, da Hyundai, também entram na margem. O hatch parte de R$ 84.390 e alcança a faixa dos R$ 114.590. Por outro lado, o sedã vai de R$ 94.190 a R$ 119.290. O mesmo acontece para os modelos Argo e Cronos da Fiat. Enquanto o hatch da marca italiana chega a R$ 99.990 na configuração topo de linha, o sedã vai até R$ 111.990. Outro modelo que vale a atenção é o Citroën C3. O compacto chega a custar R$ 95.990 na configuração topo de linha Live Pack 1.6. No entanto, tem condições especiais para o público PCD que reduzem a tabela para R$ 74.632.

Citroën/Divulgação
Citroën/Divulgação

SUVs também fazem parte

Por outro lado, algumas marcas também adaptam alguns veículos para entraram na categoria de desconto para PCD. A Jeep, por exemplo, A Jeep, por exemplo, baixou a tabela do Renegade, que sai por R$ 102.900 com o desconto no imposto. Já o Volkswagen Nivus ganhou a versão Sense, exclusiva para o público PCD. Tabelada em R$ 119.990, o valor da configuração de entrada desce para R$ 100.700 com todos os descontos. O mesmo acontece para o T-Cross.

A Caoa Chery também aproveitou e aplicou descontos à tabela do Tiggo 5X. Na configuração Sport, o SUV ganhou um desconto de mais de R$ 8 mil. Com a redução, passa a custar R$ 119.990 e é elegível para a solicitação da isenção proporcional do ICMS. Por fim, a Fiat também anunciou uma redução no preço final do Fastback Turbo 200, versão de entrada do SUV cupê. O modelo, dessa forma, parte de R$ 117.990 e chega a R$ 101.620 com todos os descontos.

JUNIOR KRPIX/ESTADÃO
JUNIOR KRPIX/ESTADÃO

IPI pode subir

Além disso, vale também mencionar o IPI. Recentemente, um projeto de lei, de autoria da deputada Rosângela Moro (União-SP), foi noticiado pelo Jornal do Carro, em razão do seu propósito: aumentar o limite do teto para compra de veículos PCD para R$ 300 mil. Para quem deseja comprar um carro PCD hoje, o teto dos descontos contempla modelos até R$ 200 mil. Entretanto, a proposta ainda está em processo de aprovação. Caso entre em vigor, o desconto será possível por meio da isenção do IPI, para pessoas com deficiência e seus representantes.

Siga o Jornal do Carro no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
GWM Ora 03 e BYD Dolphin: os chineses elétricos de R$ 150 mil

Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.