Novo Chevrolet Tracker terá motores 1.0 e 1.2 turbo no Brasil

Modelo terá seis versões equipadas com os motores 1.0 e 1.2 turbo e majoritariamente câmbio automático

tracker
TRACKER Crédito: CHEVROLET/DIVULGAÇÃO

A Chevrolet está “acelerando” nos lançamentos no Brasil. Depois da chegada dos novos Onix e Onix Plus até o final do ano, a marca já trabalha para apresentar a nova geração do Tracker no País. O modelo será produzido sobre a mesma plataforma do Onix, a GEM (Global Emergent Market).

Segundo o site Autossegredos, ele chega ao País no primeiro quadrimestre de 2020. O modelo será oferecido em seis versões de acabamento, sendo duas delas com o motor 1.0 turbo, enquanto as outras quatro vão estrear o propulsor 1.2 turbo no Brasil.

A 1.0 turbo terá uma opção de entrada com câmbio manual e a segunda com câmbio automático. Já no caso das variantes com o 1.2 serão todas com a transmissão automática, a já conhecida GF6 de seis velocidades.

tracker
CHEVROLET/DIVULGAÇÃO

O primeiro terá a mesma calibragem utilizada no Onix: até 116 cv a 5.500 rpm e 16,8 mkgf com etanol. Já o motor 1.2 deverá ser uma variação do 1.3 utilizado pela GM na China. Por lá, o 1,3 litro rende 165 cv, aqui, o novo motor deverá entregar algo em torno de 150 cv.

A nova geração do Tracker cresceu em relação ao atual vendido aqui e que utiliza a mesma base do Sonic, que deixou de ser vendido no Brasil em 2014. O novo Tracker terá 4,27 metros de comprimentos, 1,79 m de largura, 1,60 m de altura e 2,57 de entre-eixos.

tracker
CHEVROLET/DIVULGAÇÃO

Comparativo: Onix Plus x HB20S x Virtus

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas