Você está lendo...
Como é a Chevrolet S10 W/T, nova versão de entrada da picape
Notícias

Como é a Chevrolet S10 W/T, nova versão de entrada da picape

Versão básica da Chevrolet S10, opção WT liquida versões LS e LT; motor 2.8 Duramax Turbodiesel agora equipa todas as versões

Rodrigo Tavares, especial para o Jornal do Carro

19 de mai, 2024 · 4 minutos de leitura.

Publicidade

S10 WT
Versão básica tem ampla oferta de personalização
Crédito:Rodrigo Tavares/Especial para o Jornal do Carro

Com a chegada da nova linha S10 2025, a Chevrolet se prepara para temtar devolver à sua picape média algumas posições entre as mais vendidas do mercado. E cobrindo a base das opções da GM está a versão WT.



Substituindo numa tacada só as versões LS e LT da picape, a Work Truck está disponível nas versões cabine simples e dupla, e está voltada para o trabalho pesado, usando a mesma nomenclatura americana, por exemplo. Além disso, há também uma versão chassi.

S10 WT tem visual despojado, mas com novo desenho

Versão básica recebe a reestilização da linha 2025 (Chevrolet/divulgação)

Publicidade


Contudo, por se tratar de uma versão básica, ela dispensa os cromados e demais adornos comuns às versões Z71, LTZ e High Country, por exemplo. Itens como estribos laterais, rack de teto, santo-antônio e até mesmo maçanetas coloridas deixam de fazer parte do modelo.Assim, até as rodas são de aço, na versão com câmbio manual de seis marchas.

Assim, se escolhida a versão WT com o câmbio automático de oito velocidades, o modelo recebe rodas de liga leve. No visual, a picape básica incorpora as mudanças visuais comuns à nova linha, com capô, grade, para-choque, faróis e lanternas novos, bem como nova tampa de caçamba.

Versão WT tem mesmo 2.8 Turbodiesel das demais versões

Entretanto, cabe dizer que a WT cabine simples ainda mantém a tampa da versão antiga.Movendo a picape, está o motor 2.8 Turbodiesel Duramax, com 207 cv e 52 mkgf de torque, comum à toda linha. Contudo, se equipada com o câmbio manual de seis velocidades, o torque é menor: 46,9 mkgf. Além disso, todas tem tração 4×4, e não há mais opção apenas 4×2, com tração traseira.


Mais de 100 acessórios estão disponíveis (Rodrigo Tavares/Especial para o Jornal do Carro)

Dentre as opções básicas, a WT AT (automática) é quem deve receber a maioria dos pedidos. De série, a opção tem 6 airbags, partida por botão, painel de instrumentos digital, controle anti-capotamento e ajuste telescópico da direção. Há também controle de oscilação do reboque, farol de neblina, sistema OnStar com wifi e trava elétrica da caçamba.

Por fim, a versão WT está disponível em quatro versões: Chassi MT, por R$ 223.620; Cabine Simples MT, por R$ 232.710; Cabine Dupla MT, por R$ 247.860 e Cabine Dupla AT, por R$ 268.060.Confira outras informações e nossas informações sobre a nova Chevrolet S10 2025 clicando aqui.


O Jornal do Carro também está no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Deixe sua opinião