Você está lendo...
Elétrico BMW iX1 chega ao Brasil para encarar o Volvo XC40; veja o preço
Lançamentos

Elétrico BMW iX1 chega ao Brasil para encarar o Volvo XC40; veja o preço

Feito em Regensburg, na Alemanha, BMW iX1 entra em pré-venda no País e está disponível em versão única xDrive 30 com 320 cv e tração integral

Diogo de Oliveira

18 de jul, 2023 · 6 minutos de leitura.

Publicidade

Alexa
BMW oferce Alexa em toda a sua linha de produtos
Crédito:Diogo de Oliveira/Estadão

A BMW começa a aceitar reservas no Brasil pelo iX1, versão elétrica do SUV de entrada da marca. Fabricado em Regensburg, na Alemanha, o utilitário está em pré-venda na versão xDrive 30 pelo preço de R$ 421.950, que incluí um carregador de parede (Wallbox). Além disso, tem o pacote M Sport, que deixa o visual mais esportivo. O desempenho também promete impressionar, com dois motores elétricos que entregam 317 cv de potência e tração integral.

@ojornaldocarro

A BMW começa a aceitar reservas no Brasil pelo iX1, versão elétrica do SUV de entrada da marca. Fabricado em Regensburg, na Alemanha, o utilitário está em pré-venda na versão xDrive 30 pelo preço de R$ 421.950, que incluí um carregador de parede (Wallbox). Além disso, tem o pacote M Sport, que deixa o visual mais esportivo. O desempenho também promete impressionar, com dois motores elétricos que geram 317 cv de potência e tração integral. Segundo a BMW, o torque imediato do conjunto elétrico alcança 50,3 mkgf (494 Nm), com uma aceleração de zero a 100 km/h feita em 5,6 segundos. Mas, embora tenha tração integral, o iX1 opera majoritariamente com tração dianteira, para aumentar a autonomia das baterias. Por sinal, o SUV vem de fábrica com um pacote de 64,7 kWh, que entrega 303 km de autonomia segundo o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBVE) do Inmetro. #bmw #ix1 #bmwix1 #bmwmotorsport #bmwlife #bmwclub #bmwm #bmwlove #elecric #premiere #brazil #cars #jornaldocarro #estadao

♬ som original - jornaldocarro
Veja como foi o lançamento do BMW iX1 em SP

Segundo a BMW, o torque imediato do conjunto elétrico alcança 50,3 mkgf (494 Nm), com uma aceleração de zero a 100 km/h feita em 5,6 segundos. Mas, embora tenha tração integral, o iX1 opera majoritariamente com tração dianteira, para aumentar a autonomia das baterias. Por sinal, o SUV vem de fábrica com um pacote de 64,7 kWh, que entrega 303 km de autonomia segundo o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBVE) do Inmetro.

Publicidade




BMW iX1 elétrico
Diogo de Oliveira/Estadão

BMW iX1 tem visual de SUV a combustão

Como dissemos, o BMW iX1 xDrive 30 vem importado neste primeiro lote com o pacote M Sport. Assim, tem visual mais esportivo, com para-choque similar ao de modelos a combustão - exceto pela grade completamente fechada. Entretanto, o SUV elétrico mantém soluções aerodinâmicas para melhorar o coeficiente de arrasto. Por exemplo, entradas de ar que formam cortinas de ar para reduzir a turbulência nas caixas de rodas. E maçanetas embutidas nas portas.

A lista de equipamentos é robusta e reúne o que há de mais moderno na marca. Ou seja, tem faróis full LEDs matriciais, rodas de liga leve diamantadas de 20 polegadas, saias laterais, acabamento "shadow line", com frisos escurecidos, além de detalhes externos pintados de preto brilhante. Por dentro, tem soleira nas portas, pedaleiras de alumínio, bem como bancos com formato esportivo. O interior, aliás, é um ponto alto no SUV e subiu de nível.


BMW iX1 elétrico
Diogo de Oliveira/Estadão

Topo de linha da gama X1

Versão mais cara da gama do SUV, o BMW iX1 aposta no requinte a bordo e tem até opções de customização, com interior revestido com couro premium bicolor, por exemplo - a opção Mocca mistura preto com marrom cor de café. Há teto solar panorâmico, Head-Up Display de alta resolução e chaves que abrem e travam as portas por aproximação. Além disso, o painel com duas telas curvas em uma peça única - com 10,25" (instrumentos) e 10,7" (multimídia).

O SUV elétrico alemã tem ainda sistema de som premium da Harman-Kardon e um carregador por indução com inclinação quase vertical (que facilita a visualização da tela) e uma haste para prender o aparelho e evitar que o smartphone seja projetado em uma colisão. O multimídia, por sua vez, é conectado à internet e recebe atualizações remotas pelo ar ("Over The Air"). São seis opções de cores, entre banco, preto, azul, prata.


BMW iX1 elétrico
Diogo de Oliveira/Estadão

Biosfera BMW

Para lançar o iX1, a marca premium alemã criou um espaço para mostrar as ações de descarbonização da marca. A atração, chamada de BMW Biosfera, vai ficar aberta até 31 de julho de 8h às 18h no Parque do Ibirapuera, na zona Sul de São Paulo. O evento tem selo de carbono neutro, com investimentos de reflorestamento no Brasil. A meta da montadora é ser neutra em carbono até 2050. Para alcançá-la, a marca mostra suas tecnologias.

Por exemplo, os carros atuais da marca bávara têm 30% de materiais reciclados, percentual que alcançará 50% dos materiais utilizados na produção. Outro detalhe interessante é que 70% do alumínio usado no iX1 é reciclado. A marca também aposta na conectividade. No Brasil, já oferece carros conectados desde 2014. E isso trouxe dados interessantes. Hoje, 98% das recargas de elétricos é feita nas residências. E 95% dos trajetos são de até 50 km, com 29 km de média.


Siga o Jornal do Carro no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Chevrolet Bolt EUV: como é o SUV elétrico rival de Nissan Leaf e Peugeot e-2008
Deixe sua opinião