JAC
JAC/Divulgação

JAC Hunter: picape média da chinesa estreia em breve no Brasil

Picape média da JAC já aparece em ranking da Fenabrave e lançamento deve acontecer em meados do ano; modelo deve vir com motor turbodiesel

Por Vagner Aquino 09 de abr, 2024 · 4m de leitura.

O Volkswagen Polo no topo do pódio das vendas de automóveis e comerciais leves não foi a única surpresa do relatório mensal da Fenabrave de março. Algumas posições abaixo, eis que um nome aparece, de repente. Trata-se da picape JAC Hunter, que emplacou três unidades. Isso não quer dizer que o modelo já está em vendas por aqui – Volkswagen Kombi e GMC Hummer também aparecem, mesmo que não estejam disponíveis ao público consumidor -, mas indica que a chinesa já está homologada no País. Assim, já passou da fase de testes e, em breve, estará nas lojas.

Com a Hunter, o objetivo da JAC é atrair a clientela que compra picapes médias. Portanto, para encarar Toyota Hilux, Chevrolet S10, Volkswagen Amarok, Ford Ranger e companhia, deve apostar no motor 2.0 turbodiesel de 170 cv, e torque de 41,8 mkgf, oferecido em outros mercados. Atrelado a ele, fica o câmbio automático ZF, de oito marchas. Tem tração 4×4 com reduzida e bloqueio de diferencial.

A princípio, ainda não se sabe ao certo qual a mecânica que a JAC escolherá para o Brasil. Inclusive, há quem aposte em opção elétrica. Aqui, aliás, cabe um adendo. Por ora, a JAC vende apenas carros elétricos no Brasil, mas vai voltar atrás da decisão após a alta nos impostos da categoria.


JAC
Picape aposta em iluminação por LEDs (JAC/Divulgação)

Capacidade de carga

A picape da JAC tem capacidade de carga de até 1,4 tonelada. A capacidade de reboque, no entanto, é de 3,5 toneladas. Contudo, em matéria de dimensões, a Hunter mede 5,62 metros de comprimento, 1,92 m de altura, 1,96 m de largura e 3,40 m de distância entre-eixos.

Tela central tem 10,2″ e fica na vertical (JAC/Divulgação)

Na estética, destaque para a enorme grade frontal preta que se estende pela parte dianteira. Nela, uma moldura integrada ao para-choque une faróis e grade. As caixas de rodas pronunciadas abrigam rodas de 18″. Na traseira, santantônio e o logo da montadora estampado na tampa. Tem, ademais, lanternas iluminadas por LEDs e com formato vertical, bem como para-choque na cor preta. Do lado de dentro, quadro de instrumentos digital e central multimídia com 10,2″. Na lista, espera-se vários recursos de assistência ao motorista, como controle de cruzeiro adaptativo (ACC), assistente de faixa e câmera 360°, por exemplo.

A data exata de lançamento ainda é desconhecida, mas, de acordo com o site Motor1, deve chegar entre junho e julho. A faixa de preços também permanece em segredo.

Siga o Jornal do Carro no Instagram!


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.