Kia enchentes RS
Kia/Divulgação

Kia pede que donos afetados por chuvas no RS não liguem o carro

Em postagem nas redes sociais, Kia Brasil alerta proprietários de modelos novos e usados da marca e diz que vai custear despesas de guincho

Por Thais Villaça 30 de mai, 2024 · 4m de leitura.

Em meio ao clima de solidariedade que tomou conta do Brasil por conta das tragédias causadas pelas chuvas no Rio Grande do Sul, a Kia encontrou uma forma de ajudar seus clientes. A montadora sul-coreana divulgou comunicado no Instagram e pede que os motoristas não tentem ligar seus veículos que tenham sido atingidos pelas enchentes.

No texto, a Kia informa que vai custear as despesas de guincho para os carros da marca – mesmo os que já saíram de linha – até a concessionária mais próxima para que se faça uma avaliação técnica dos danos. Além disso, a empresa vai oferecer desconto de 60% no valor das peças com avarias. Os proprietários devem entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente pelo telefone 0800-771-1011 ou pelo e-mail contato@kia.com.br. A ação é válida até 31 de agosto.

“Essa é uma das alternativas que encontramos para prestar apoio neste momento difícil, além de diversas outras frentes de arrecadações e doações que a Kia Brasil e concessionárias distribuídas pelo país estão promovendo internamente com nossos colaboradores”, informa.

Frota afetada no RS pode chegar a 200 mil unidades

Os estragos causados pelas chuvas no RS podem afetar entre 150 mil e 200 mil veículos. Isso de acordo com o sócio da Bright Consulting, Cassio Pagliarini, em entrevista ao portal AutoData. Atualmente, a frota no Estado é de cerca de 2,8 milhões de unidades.

Segundo seguradoras e empresas de leilão, uma força-tarefa está sendo enviada às principais cidades para recuperar esses carros e agilizar os processos de indenizações aos proprietários. “O objetivo principal é agilizar os processos, para dar uma resposta rápida às seguradoras para o pagamento de indenizações. Isso ajudará os segurados a retomarem suas vidas. Em seguida, os automóveis irão para leilões organizados pela nossa empresa, afirma Adiel Avelar, CEO da Copart no Brasil.

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) também encontrou uma forma de reduzir as preocupações dos cidadãos que estão passando dificuldades no RS. Dessa forma, o Detran-RS adiou em 90 dias os prazos para a renovação da CNH. Bem como para recorrer de multas, por exemplo (veja todos os serviços suspensos aqui). A depender da situação, o prazo será revisto.

Siga o Jornal do Carro no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Chevrolet S10 2025 ganha potência e tecnologia para enfrentar a concorrência

Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Campo obrigatório
Cep inválido
CPF/CNPJ inválido
Telefone inválido
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.