Você está lendo...
Ranking: os carros de luxo mais vendidos do Brasil no primeiro trimestre
Mercado

Ranking: os carros de luxo mais vendidos do Brasil no primeiro trimestre

Mercado de carros de luxo migrou para os SUVs e categoria domina o ranking; BMW Série 3 e Mercedes Classe C são únicos sedãs no top 10

Vagner Aquino, especial para o Jornal do Carro

21 de abr, 2022 · 7 minutos de leitura.

Mercedes-AMG
Mercedes-Benz GLB é o segundo SUV mais vendido no acumulado do primeiro trimestre no Brasil; topo fica com BMW X1
Crédito:Mercedes-Benz/Divulgação

Há pouco tempo você leu aqui no Jornal do Carro que o mercado de luxo vem migrando rapidamente para os carros elétricos. Mas esse segmento também se rendeu aos SUVs. Tanto é que as montadoras premium estão priorizando os utilitários esportivos para agradar a clientela. E, assim, eles já começam a se destacar no ranking dos luxuosos mais vendidos.

Com o sucesso comercial de modelos como os Porsche Cayenne e Macan, diversas marcas seguiram a onda e não param de lançar SUVs. Até modelos impensáveis, como Lamborghini Urus, viraram realidade e se tornaram referência no segmento. Mesmo a Ferrari, quem diria, abraçou a causa e atacará (em breve) com o Purosangue, primeiro SUV da história da italiana.

Ferrari Purosangue
Ferrari/Divulgação

Embora alguns desses modelos sejam vendidos só lá fora (ou por importação independente), é notável quanto os SUVs de grande porte (e preço) têm conquistado os brasileiros mais endinheirados. Os números de vendas mostram que, à exceção do BMW Série 3, que representa 66% da categoria de sedãs grandes, os 10 carros premium mais vendidos do trimestre são SUVs. E essa migração do público surpreende mês após mês no ranking.

A Volvo é outro exemplo. Desde o início deste século, com o lançamento do XC90, a fabricante sueca só cresceu por aqui. Hoje, lidera o mercado de SUVs premium no Brasil. Só o XC60 - carro chefe da marca no País, com preço de R$ 389.950 - vendeu 502 unidades de janeiro a março, de acordo com números da Fenabrave, associação dos concessionários no País. Isso é mais da metade do que emplacou o Volkswagen Voyage, que custa quatro vezes menos.

vendidos carros de luxo
Volvo/Divulgação

Volvo só tem SUVs

A atuação da Volvo no mercado de SUVs no Brasil faz tanto sucesso que a marca já abandonou todos os outros segmentos. No portfólio, nada de peruas, hatches ou mesmo seus consagrados sedãs. Agora, a gama se restringe aos bem-sucedidos XC40, C40, XC60 e XC90. Todos, com motorização eletrificada, sendo o C40 e o XC40 exclusivamente elétricos.

Este nicho de modelos a eletricidade, aliás, tem como líder a sueca. "Para a Volvo, é mais uma grande conquista. Sempre acreditamos na eletrificação e temos feito um trabalho contínuo para a expansão, investindo não somente em novos modelos, mas também em infraestrutura no País", celebra João Oliveira, diretor geral de operações e inovação da Volvo Car Brasil.



Porsche Macan e Cayenne em destaque

Voltando a falar de Porsche, a marca alemã está nadando de braçada. De acordo com dados da Abeifa, associação das importadoras, a marca acumula 695 unidades emplacadas de janeiro até agora. E os SUVs estão em constante crescimento.


vendidos carros de luxo
Porsche/Divulgação

Para se ter ideia, o Macan, que, a princípio, havia vendido 46 unidades em janeiro e 56 em fevereiro, conquistou 176 emplacamentos no mês de março. Da mesma forma, o veterano Cayenne vem numa crescente. Nos respectivos meses, comercializou 18, 30 e 103 unidades. Já o sedã Panamera está em queda. Foi de 23 unidades em fevereiro para 16 no mês passado.

Outras marcas

BMW e Mercedes-Benz, contudo, apresentam bons números há algum tempo e, em março, viram suas vendas decolarem principalmente no segmento de SUVs. A marca bávara quase triplicou as comercializações do X1. O modelo passou de 142 unidades em fevereiro para 395 em março. No acumulado do ano, já tem 673 unidades.


BMW carros de luxo
BMW/Divulgação

Na Mercedes-Benz, o jipão de luxo GLB fez a festa. Pulou de 95 para 264 unidades entre fevereiro e março. Desde o começo do ano, já vendeu, então, 578 exemplares.

Ranking: os 10 carros de luxo mais vendidos no 1º trimestre

1) BMW Série 3 - 1.271
2) BMW X1 - 673
3) Mercedes-Benz GLB - 578
4) Volvo XC60 - 502
5) Volvo XC40 - 438
6) Audi Q5 - 401
7) Mercedes-Benz Classe C - 392
8) Land Rover Discovery - 357
9) Porsche Macan - 278
10) BMW X5 - 249


Outros modelos

Embora não sejam considerados carros de luxo, diversos SUVs na faixa acima dos R$ 200 mil vêm se destacando em vendas. O Jeep Commander, por exemplo, emplacou 4.932 unidades de janeiro a março. Na sequência, vêm Toyota SW4 e Caoa Chery Tiggo 8 com, respectivamente, 3.106 e 2.100 unidades no mesmo período.

Com valores ainda mais salgados, o Mitsubishi Pajero Sport (entre R$ 367.764 e R$ 402.888) também é destaque. Nos três primeiros meses de 2022, registrou 651 emplacamentos - 31 unidades a mais que o irmão Outlander. No mais, modelos como Chevrolet Trailblazer, Kia Stonic e os Ford Bronco e Territory tiveram média de 400 emplacamentos desde o início do ano.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se