Notícias

SUV Fiat Pulse e Jeep Compass híbrido são flagrados em Minas Gerais

Dois dos próximos lançamentos da Stellantis foram vistos quase sem disfarces; Compass 4xe liga na tomada e tem até 50 km de autonomia elétrica

Vagner Aquino, Especial para o Jornal do Carro

03 de ago, 2021 · 5 minutos de leitura.

SUV" >
Jeep Compass 4xe é híbrido que carrega na tomada e rende até 50 km de autonomia em modo puramente elétrico
Crédito:Raimundinho Couto/O Tempo

A Stellantis está cheia de novidades para os próximos meses. Na última semana, a picape Jeep Gladiator foi flagrado nos arredores de Betim (MG). Agora, em dose dupla, tem SUV para vários estilos. E não estamos falando de Jeep Commander, mas de Fiat Pulse e Jeep Compass 4xe híbrido. Com pouca camuflagem, os modelos foram flagrados pelo jornalista Raimundo Couto, do jornal O Tempo, em Minas Gerais.

Ambas as novidades tinham pouquíssimos adesivos cobrindo a carroceria. O Pulse, em versão básica, não tem sequer faróis de neblina. No Jeep, aliás, justamente os emblemas da versão eletrificada (que será topo de linha) não estavam visíveis. O registro indica, entretanto, que o SUV médio deverá ser o primeiro modelo híbrido (plug-in) da linha 4xe no Brasil. Seu lançamento deve ficar para o segundo semestre. Assim, o Renegade 4xe deverá chegar em 2022, já como linha 2023.

SUV
Raimundinho Couto/O Tempo

Como é o Compass híbrido?

A princípio, o Compass 4xe terá como trunfo, em nome da economia, o motor 1.3 turbo (a gasolina) aliado ao propulsor elétrico. Será, no entanto, o primeiro Jeep a adotar a tecnologia híbrida no Brasil. A meta é fazer média de 47 km/l. A potência combinada de 240 cv vem dos 180 cv (gasolina) + 60 cv (elétrico). A tração é 4×4.

De acordo com a marca, o novato vai da inércia aos 100 km/h em 7,3 segundos. Mérito do bom torque do motor elétrico. A velocidade máxima é de 200 km/h.

Jeep Compass SUV turbo
Jeep/Divulgação

Ao contrário das demais versões do Compass disponíveis no Brasil, o modelo híbrido chegará importado da Europa. Pelas fotos, é possível notar que o SUV oferece para-choques e caixas de roda pintados na cor da carroceria. O tom negro dá o ar da graça no teto, retrovisores, grade e rodas.

Revelado no Salão de Genebra (Suíça), em 2019, o Compass 4xe recebe bateria de 11,4 kWh em uma arquitetura de 400 volts. A autonomia é de 50 km no modo totalmente elétrico. A recarga pode ser feita em tomadas convencionais.



SUV
Raimundinho Couto/O Tempo

Pulse é o primeiro SUV da Fiat

O primeiro SUV da Fiat teve, a princípio, seu nome revelado durante o Big Brother Brasil (BBB21) e tem base no hatch Argo, de quem herda alguns componentes. Sob o capô, o Pulse terá o inédito motor 1.0 turbo GSE. A potência deve ficar entre 120 cv e 130 cv. Nas configurações mais baratas, todavia, o novato terá sob o capô dianteiro o 1.3 Firefly (109 cv). A aposta será em câmbios manual ou automático do tipo CVT.

Com valor em torno dos R$ 100 mil, o modelo não quer fazer feio frente à concorrência – composta por Volkswagen T-Cross, Chevrolet Tracker e companhia. Com elementos emprestados até da picape Toro e do SUV médio Compass (ambos, da Stellantis), o Pulse, por fim, vai oferecer até painel de instrumentos 100% digital e central multimídia flutuante Uconnect com tela de 10,1″. O sistema Fiat Connect Me, em síntese, tem serviços controlados por meio de smartphone e é um dos destaques.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Continua depois do anúncio