Emily Nery, para o Jornal do Carro

18/02/2021 - 4 minutos de leitura.

Tesla supera Audi em vendas de carros de luxo nos EUA

Mercedes, Lexus e BMW ficaram na frente da Tesla nas vendas. Contudo, chegada de novos elétricos no mercado dos EUA deixará a disputa ainda mais acirrada

model 3
Tesla Model 3 é o elétrico mais vendido dos EUA Crédito: Foto: Amanda Voisard/Reuters
Carro

Vai comprar um 0km? Nós te ajudamos a escolher.

Embora a Tesla não tenha conseguido bater a meta de vendas em 2020, ela tem bons motivos para comemorar. Nos Estados Unidos, a marca superou a Audi nos registros de carros de luxos. Assim ficou com o 4º lugar no ranking do segmento.

De acordo com dados do Automotive News, a empresa de Elon Musk vendeu 200.561 carros em 2020 no mercado norte-americano. Portanto, superou a Audi, que registou 183.594 vendas nos EUA no ano passado.

Todavia, o expressivo número de vendas da Tesla ainda a deixou atrás da Mercedes-Benz, com  265.600 unidades vendidas. Do mesmo modo, foi superada pela Lexus com 271.384 registros. Seja como for, a líder BMW somou 287.250 automóveis nos EUA em 2020.

Tesla sofrerá ataque das alemãs

Apesar do bom desempenho, a Tesla terá de aumentar suas vendas em quase 33% para ultrapassar a Mercedes. Por outro lado, as alemãs devem começar a vender nos EUA concorrentes diretos da Tesla.

O SUV elétrico BMW iX deverá chegar no mercado norte-americano no começo de 2022. Enquanto isso, a Mercedes estuda levar o EQA, SUV baseado no GLA, ao país. Além disso, o sedã EQS já está confirmado para os EUA. Assim, competirá com o Tesla Model S.

Mercedes estuda levar o EQA para os EUA para competir com Tesla Model Y
Mercedes estuda levar o EQA para os EUA para competir com Tesla Model Y Mercedes-Benz/Divulgação

Novo Model X terá até videogame a bordo

Nesse interim, a Tesla também vem se movimentando. E promete lançar, ainda no primeiro trimestre de 2020, o renovado Model S.

Posteriormente, será a vez da atualização do Model X. Como já contamos por aqui, o SUV elétrico trará uma série de novas tecnologias. Nesse sentido, terá até mesmo um videogame embarcado.

Cabe mencionar que o modelo mais vendido Tesla é o Model 3. O sedã de entrada da marca tem preço nos EUA a partir de US$ 37.990. Ou seja, cerca de R$ 205 mil na conversão direta, sem impostos.

Incentivo fiscal beneficiará elétricos

Com a finalidade de estimular o mercado de automóveis elétricos, o governo de Joe Biden deverá dar créditos à fabricantes, para que os veículos fiquem mais baratos.

O projeto de Lei chamado GREEN (em tradução livre, Crescimento de Energia Renovável e Eficiência Agora) prevê, entre outras medidas, um aumento do limite de créditos fiscais para montadoras que atingirem a meta de entregar 600 mil carros elétricos.

Nesse sentido, os primeiros 200 mil carros elétricos vendidos por uma fabricante têm direito à isenção de até US$ 7.500 (uns R$ 40 mil). Depois disso, que ultrapassarem essa marca, o crédito cai para US$ 7 mil até a montadora chegar às 600 mil unidades vendidas.



Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais