Fiat faz recall da Toro a diesel por risco de incêndio

Filtro de combustível da Toro pode se danificar em caso de acidentes e espalhar combustível pelo motor. Fiat irá instalar proteção na peça

toro
Unidades envolvidas já são da linha 2020 da picape Crédito: Hélvio Romero/Estadão

A Fiat está chamando os proprietários de 2.912 unidades da picape Toro para um recall. Os veículos são das versões com motor a diesel ano/modelo 2019/2020 e deverão comparecer à uma concessionária da marca a partir do próximo dia 11 de novembro.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

A marca detectou um problema envolvendo o filtro de combustível da picape. No caso de uma batida frontal, o filtro pode se danificar e permitir o vazamento de diesel no motor. Caso o combustível atinja áreas quentes, como o escapamento, a picape pode se incendiar após a batida.



A Fiat vai verificar o estado do filtro e, se necessário, instalar uma capa de proteção na peça. Isso deve aumentar a resistência do componente a acidentes. Segundo a marca, o reparo demora cerca de uma hora e os proprietários devem agendar a visita.

Atendimento à Toro

Os chassis envolvidos vão de C80844 a C92056 não sequenciais. Os proprietários podem acessar o site da marca a central de serviços da Fiat no número 0800-707-1000. A marca ainda abriu um canal no Whatsapp para atender os clientes pelo número (31) 2123-6000.

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas