Você está lendo...
BMW M760i "The Final V12" será o último da marca com motor doze cilindros
Lançamentos

BMW M760i "The Final V12" será o último da marca com motor doze cilindros

Edição especial tem tiragem limitada de doze unidades e será oferecida apenas a clientes especiais com relação histórica com o Série 7 V12

Marcio Ishikawa, especial para o Jornal do Carro

23 de jan, 2022 · 5 minutos de leitura.

BMW M760i
P90246723_highRes_bmw-m760li-xdrive-on
Crédito:divulgação/BMW

O fim de uma era se aproxima - em junho de 2022, para ser mais exato. Em meio a uma era de plena eletrificação de seus modelos, será produzido o último BMW que carrega um motor V12 debaixo do capô. Será um BMW M760i, único modelo da marca que ainda utiliza esta configuração. A despedida acontece com uma edição especial de tiragem limitada, com apenas doze unidades, batizada (sem muita surpresa) de "The Final V12". O preço sugerido é de 200 mil dólares (quase 1,1 milhão de reais).

Antes de mais nada, um aviso. Ainda que você tenha se interessado e tenha uma conta bancária em dólares, com mais de sete ou oito dígitos, não vai ser tão fácil assim. Primeiro, o BMW M760i "The Final V12" será vendido apenas no mercado norte-americano. Além disso, a BMW vai oferecer o veículo apenas a clientes selecionados, mais especificamente a quem já tem um histórico de compra de alguns Série 7 com motor V12. 

Detalhes exclusivos

O BMW 760i "The Final V12" terá um emblema "V12" na traseira, no lugar do "M760i". Aliás, o emblema (foto abaixo) é a única imagem que a BMW revelou no comunicado à imprensa. Além disso, as rodas de 20 polegadas terão um acabamento bastante exclusivo, com pintura em cinza ou preto. Posteriormente, receberão um polimento especial, até sua superfície ganhar uma tonalidade prateada escura. 


BMW M760i "The Final V12"
divulgação/BMW

Além disso, o comprador poderá optar por pinças de freio pintadas em azul ou preto. Já a seleção da cor da carroceria, com certeza, vai dar mais trabalho: trata-se de toda a paleta da BMW, com mais de 80 tonalidades diferentes. Já a inscrição "The Final V12" aparece na cobertura do motor e nas soleiras das portas. Ainda no interior, um display com o número de série (X de 12) ressalta toda a exclusividade do modelo aos convidados que entrarem a entrar a bordo. 

Como era de se esperar, o BMW 760i "The Final V12" terá todos os equipamentos opcionais disponíveis na versão convencional, o que inclui o "Driving Assistance Professional Package" (pacote de assistências ao motorista), teto solar panorâmico, sistema de estacionamento por controle remoto e sistema de áudio de alta fidelidade da Bowers & Wilkins. Por fim, o comprador ainda ganhará um troféu de mesa personalizado, indicando a cor da pintura escolhida, assim como a opção de acabamento interno e o número de identificação do seu M760i "The Final V12". 


Torque monstruoso

O derradeiro V12 na linha BMW é um bloco de 6,6 litros equipado com dois turbos, que entrega 601 cavalos de potência e 284,4 mkgf de torque. Aliás, uma curiosidade. O torque é tamanho que, quando o motorista utiliza o sistema de largada (launch control), o carro arranca em segunda marcha.  Com ele, o BMW 760i xDrive atinge 60 milhas por hora (96 km/h) em 3,6 segundos. Mas esse V12 ainda não vai se aposentar. Modelos da Rolls-Royce, marca de alto luxo que faz parte do Grupo BMW, ainda o utilizam.

BMW M760i
divulgação/BMW

O primeiro carro de rua da BMW equipado com um motor V12 foi lançado em 1987. Era o 750iL, que usava o motor M70, naturalmente aspirado, de cinco litros e 295 cavalos. O moderno motor, para a época, usava eixo de comando no cabeçote, duas válvulas por cilindro, e acelerador eletrônico drive-by-wire.




O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se