Você está lendo...
Carros usados: dez opções de seminovos para comprar por R$ 40 mil
Mercado

Carros usados: dez opções de seminovos para comprar por R$ 40 mil

Com a alta dos preços de carros 0-km e seminovos, hatches usados podem ser boa alternativa para compra; veja a lista completa

Jady Peroni, especial para o Jornal do Carro

23 de dez, 2021 · 12 minutos de leitura.

Volkswagen Gol usados
Apesar do aumento nos preços, é possível achar usados mais em conta no mercado
Crédito:Volkswagen/Divulgação

Em julho deste ano, o Jornal do Carro trouxe um levantamento exclusivo, feito com base na tabela Fipe, no qual apontou que alguns veículos usados estavam até R$ 20 mil mais caros com a disparada de preços dos modelos 0-km. Desde então, os carros novos continuam a receber reajustes mensais. O caso mais emblemático é o do Volkswagen Gol, que superou a marca de R$ 90 mil.

Nesse meio tempo, outros fatores também contribuíram para o aumento significativo dos preços dos usados. Como é o caso, por exemplo, do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) maior em São Paulo, que ganhou reajuste no início do ano, chegando aos 5,53%. Mas, cabe dizer que, a partir de 15 de janeiro de 2022, o imposto vai baixar dos atuais 3,9% para 1,8%. Ou seja, a porcentagem base de antes.

usados
DANIEL TEIXEIRA/ESTADÃO

Mas, de volta aos aumentos de preço, outros fatores que contribuíram - e muito - para inflacionar os carros em 2021 foi a disparada do dólar norte-americano, bem como a crise de semicondutores, um efeito da pandemia da Covid-19. Assim, várias montadoras tiveram de parar a produção por falta de chips, um problema que ainda pode perdurar até o fim de 2022.  

Mercado de seminovos

Embora os preços continuem altos, existem modelos interessantes de seminovos e usados que podem ser encontrados por até R$ 40 mil. Então, para facilitar a vida dos nossos leitores, o Jornal do Carro traz abaixo 10 veículos até essa faixa de preço que são boas opções para quem procura um usado. Os valores têm por base a Tabela Fipe. Confira!

Fiat Punto 2013: R$ 38.953

Divulgação/Fiat

O Fiat Punto surgiu no Brasil por volta de 2007 e em 2016 saiu de linha, dando lugar ao Argo. O hatch compacto acabou perdendo espaço no mercado, principalmente, por não oferecer câmbio automático. Mas, pode ser encontrado por valores mais em conta.

Aqui, vamos citar a versão Sporting equipada com um motor 1.8 Flex de 16V. Esse conjunto pode entregar até 130 cv de potência e 19 kgfm de torque. Quando o assunto é equipamentos, o modelo vem de fábrica com computador de bordo, rodas de liga leve e faróis de neblina. Porém, sem muita tecnologia além disso.

Fiat 500 2013: R$ 40.032

usados
SERGIO CASTRO/ESTADÃO

O Fiat 500 retornou ao mercado brasileiro na linha 2017, importado do México. E, pelo visto, brilhou os olhos da montadora italiana para fazer parte do futuro elétrico da marca. Afinal, hoje, o modelo já possui uma versão com zero emissões de carbono, o Fiat 500e.

Mas, como o assunto não é sobre carros elétricos, podemos falar de uma versão mais em conta que circula no mercado de usados. O 500 Sport Air, de 2013, vem com um motor 1.4 de 16V, mas também foi fabricado com uma motorização flex. Nesse conjunto, o modelo oferece cerca de 105 cv de potência e 14 kgfm. Um dado que impressiona, inclusive, é consumo na estrada que, com gasolina, chega até 17,5 km.

Ford Ka 2015: R$ 40.955

Ford Ka
Felipe Rau/Estadão

Embora o Ka tenha saído de linha, o hatch compacto da Ford pode ser uma boa opção de comporá. Isso porque, além de ainda oferecer uma ampla rede de concessionárias, o modelo tem boa liquidez no mercado de usados.

Desse modo, o Ka SE 1.5 Plus Flex, de 2015, tem preço médio de R$40 mil. A versão entrega até 110 cv de potência e 15 kgfm de torque. O câmbio é manual, porém, o hatch vem equipado com ar-condicionado, volante com regulagem de altura, distribuição eletrônica de frenagem e entrada USB. Em questões de consumo, ele faz uma média de 11,5 km na cidade e 13,6 km na estrada, com gasolina.

Ford Fiesta 2015: R$ 39.676

Divulgação/Ford

O Fiesta também é um hatch que se despediu do mercado brasileiro, desde 2019. O modelo, que já foi considerado um carro premium, fez muito sucesso em território nacional. Contudo, perdeu ainda mais força com o fechamento das fábricas da Ford. Apesar disso, ele pode ser uma boa aposta para quem busca um veículo confortável.

Em resumo, a versão Sport é equipada com motor 1.6 Flex de 16V que oferece até 130 cv e 16 kgfm. A velocidade máxima é de 190 km/h. Em relação a equipamentos, entretanto, não é um carro que esbanja muito. No entanto, tem seus pontos positivos como, por exemplo, computador de bordo, rodas de liga leve e faróis de neblina.

Volkswagen Gol 2015: R$ 40.910

Divulgação/Volkswagen

Se teve uma despedida que surpreendeu em massa os brasileiros foi a saída do Volkswagen Gol. O hatch, que está no mercado nacional desde 2008, foi um dos carros mais vendidos no Brasil, sendo líder por 27 anos consecutivos. E para quem gosta do pequeno, existe a possibilidade de ainda comprar modelos usados até R$40 mil.

Nesse caso, separamos o Track com motor 1.0 Flex que promete entregar até 76 cv e 11 kgfm de torque máximo. O câmbio, claro, é manual e a velocidade máxima é de 160 km/h. Por conta dos opcionais, é possível encontrar alguns modelos um pouco mais caros. Mas, existem versões mais em conta.  



Hyundai HB20 2014: R$ 36.136

Divulgação/Hyundai

O Hyundai HB20 foi um dos modelos que subiu, e muito, com os reajustes. Hoje, o hatch da marca sul-coreana parte de R$67 mil e pode alcançar um valor impressionante de R$100.290. Contudo, tem versões com valores mais acessíveis. Exemplo disso é o modelo Unique com motor 1.0 Flex a gasolina. Essa versão, também com câmbio manual, tem preço sugerido de R$36 mil no mercado.

Citroën C3 2016: R$ 37.000

usados
Divulgação/Citroën

A segunda geração do C3 estreou há pouco mais de dez anos no Brasil, com o intuito de manter a marca francesa como referência entre os compactos premium. O modelo manteve boas vendas por um tempo, mas nunca chegou a ter grandes emplacamentos.


Apesar disso, hoje em dia, ele pode ser uma boa escolha para um seminovo. O modelo, ano 2016, é equipado com motor 1.2 Puretech aspirado, que oferece até 90 cv de potência e 13 kgfm de torque máximo. No entanto, um de seus atrativos é o bom consumo. Na cidade, o hatch chega a fazer 14,8 km e 16,6 km na estrada, com gasolina. Já com álcool, os números caem um pouco, mas não são ruins. No total são 10,6 km na cidade e 11,3 km na estrada.

Peugeot 208 2016: R$ 39.187

Peugeot 208
Peugeot/Divulgação

Além de ter descartado o motor turbo, a nova geração do Peugeot 208 estreou em 2020 com o preço mais salgado, que atualmente sai a partir dos R$ 84 mil. Mas, no mercado de usados, entretanto, o consumidor pode encontrar o 208 por mais da metade do preço do 0-km.


A versão Active, por exemplo, fica em cerca de R$39 mil. O modelo vem equipado com motor 1.2 Flex de 12V com 90 cv e 13 kgfm. Sua velocidade máxima é de 171 km/h. Nos equipamentos, o hatch conta um kit multimídia, computador de bordo, rodas de liga leve e faróis de neblina.

Nissan March 2017: R$ 40.294

Divulgação/Nissan

O Nissan March é um hacth que os brasileiros viram bastante nas ruas, pois é um dos modelos mais baratos da marca japonesa no Brasil. Mas, nunca recebeu grandes novidades no mercado nacional. Um ponto que vale ressaltar é que, com as condições atuais de preços, ele é uma boa opção para quem deseja um veículo mais novo.


Sendo assim, escolhemos citar a versão S, que já saiu de linha do mercado, mas tem suas vantagens. O motor é 1.0 Flex de 12V, que entrega até 76 cv de potência e 10 kgfm de torque.

Renault Sandero 2017: R$ 40.837

Outro que segue na mesma linha que o Nissan March é o Sandero na versão Expression. Esse carro, ano 2017, possui também um motor 1.0 Flex de 12V. Contudo, entrega um pouco mais de potência, chegando aos 82 cv. Em relação ao torque, é o mesmo que o hatch da marca japonesa. Ou seja, 10 kgfm. No entanto, vale destacar que essa versão tem um consumo razoável. De acordo com os dados, com gasolina, ele faz cerca de 14,2 km na cidade e 14,1 km na estrada.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Fiat Pulse Drive 1.0 Turbo 200
Oferta exclusiva

Fiat Pulse Drive 1.0 Turbo 200