Você está lendo...
Ferrari elétrica nascerá das mãos do designer que criou o iPhone e o iPad
Notícias

Ferrari elétrica nascerá das mãos do designer que criou o iPhone e o iPad

Ferrari se junta à LoveFrom, empresa de Jony Ive, designer que trabalhou com Steve Jobs na criação dos primeiros iPhone, iPad, iMac e iPod

Redação, Com Lucas Fidalgo, especial para o Jornal do Carro

29 de set, 2021 · 5 minutos de leitura.

Ferrari híbrida
Ferrari fecha parceria com a LoveFrom, empresa do designer Jony Ive, criador do iPhone, iPad e outros ícones da Apple
Crédito:Ferrari/Divulgação

O aguardado carro da Apple ainda não saiu do papel. Mas o primeiro supercarro elétrico da Ferrari, que chegará ao mercado por volta de 2025, nascerá das mãos que criaram os maiores sucessos da marca da maçã. Estamos falando de Jony Ive, designer que ajudou Steve Jobs a desenhar o iMac, o Macbook, o tablet iPad e o maior ícone da Apple, o iPhone.

Na nota oficial, a Ferrari não dá detalhes sobre como vai funcionar a parceria entre a fabricante e a LoveFrom, empresa criada por Jony Ive e seu sócio, Marc Newson. John Elkann, presidente da Exor, atual controladora da Ferrari, disse que as conversas com Ive e Newson começaram em 2019, logo após a fundação da LoveFrom.

Elkann afirmou que esta é a oportunidade perfeita para combinar mentes criativas "mundialmente reconhecidas" para inovar o mercado de carros. O presidente da Ferrari disse estar "encantado" com o fato de Ive se unir ao conselho da companhia. E se mostrou otimista com futuros projetos da marca italiana.


Ferrari SF90 Stradale chega ao Brasil
Leo Sposito/ Divulgação

Ferrari acelera eletrificação

Famosa pela potência de seus motores V8 e V10 movidos a gasolina, a fabricante italiana chegou atrasada na corrida pelos carros eletrificados. Somente em 2020 a Ferrari apresentou o SF90 Stradale, seu primeiro superesportivo híbrido, enquanto marcas como Lucid e Tesla fazem elétricos cada vez mais potentes. A Porsche, por exemplo, foi mais rápida e já comercializa no mundo inteiro o Taycan, seu primeiro elétrico.

Em 2022, a empresa pretende lançar o SUV Purosangue, com motor V12 ou V8 e propulsão elétrica, dando sequência ao processo de eletrificação da marca. Em breve, também deve apresentar opções com sistemas de condução semiautônoma. Um relatório de sustentabilidade mostra o crescente investimento em motores híbridos e elétricos.




Paralelamente, vários países no mundo já definiram metas mais rígidas de controle das emissões de gases. Por isso, países da Europa, bem como os Estados Unidos, já estabeleceram data para o fim da produção de carros com motores a combustão. A União Europeia pretende proibir que as montadoras fabriquem veículos a gasolina e a diesel a partir de 2035. Assim, a Ferrari foi obrigada a investir em carros elétricos.

Ferrari 296 GTB é flagrada na Itália
CLAUDIO TEIXEIRA/ESTADÃO

Como surgiu a LoveFrom

Nascido em Londres, Jonathan Ive se mudou com 25 anos para São Francisco, em 1992, para trabalhar na Apple. Quatro anos mais tarde, tornou-se líder do departamento de design industrial da empresa. Trabalhou junto com Steve Jobs e participou do desenvolvimento dos maiores sucesso da empresa, como iPhone, iPad e iPod.


Após a morte de Jobs, Ive viu sua contribuição na empresa diminuir. Assim, em 2019, deixou a Apple, alegando divergências criativas com Tim Cooke, novo CEO da empresa. Então, ele fundou a LoveFrom em parceria com Marc Newson. Apesar de discreta na mídia, a empresa conseguiu firmar parceria com a Airbnb antes de assinar com a Ferrari.

Sobre a parceria com a italiana, Ive e Newson revelaram ser donos e colecionadores de Ferraris. Além disso, estão entusiasmados em colaborar com essa "extraordinária" companhia. E, sobretudo, com o time de design liderado por Flavio Manzoni.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se