Você está lendo...
Ford Ecosport dá adeus com produção da unidade derradeira na Índia
Mercado

Ford Ecosport dá adeus com produção da unidade derradeira na Índia

Após produzir o último exemplar do Ford Ecosport, fábrica na Índia vai encerrar atividades e marca vai focar na produção de carros elétricos

Jady Peroni, especial para o Jornal do Carro

22 de jul, 2022 · 5 minutos de leitura.

2020 Ford EcoSport
Ford Ecosport sai de linha definitivamente, mas pode ressurgir elétrico
Crédito:Ford/Divulgação

A Ford produziu a última unidade do Ecosport na Índia, único país onde o SUV ainda estava em linha. Junto com ele, a marca fechou sua fábrica por lá, tal como fez no Brasil no início de 2021. Entretanto, ao contrário dos brasileiros, criadores do Ecosport, a Ford indiana promoveu uma despedida digna para o modelo que foi o precursor dos SUVs compactos há quase duas décadas. O último exemplar saiu da linha de montagem com pausa para fotos.

Além de abastecer o mercado local, a fábrica indiana exportava o SUV desde 2017 para países europeus, da África, Ásia e Oceania. Recentemente, passou a enviar também para os Estados Unidos e a Argentina. O lote final contou com 1.500 exemplares, sendo o último finalizado no dia 20 deste mês. Além disso, vale dizer que a Ford encerrou a produção do Ka, que estava disponível nas carrocerias hatch e sedã. Assim, enterra de vez a dupla.


Ford Ecosport
Divulgação/Ford

Importante lembrar que, em agosto de 2021, flagras revelaram um novo Ecosport com leves alterações de estilo na Índia. As imagens sugeriam que o SUV receberia nova plástica. No entanto, os planos caíram por terra com a decisão do fechamento da fábrica. Afinal, o SUV não emplacava bons números. No ano passado, o site italiano Quattroroute fez um levantamento de vendas que apontou o modelo vendeu só 31 mil unidades.



Sem sucessor?

Antes de a Ford fechar as fábricas no Brasil, havia uma esperança de que o Ecosport fosse ter um sucessor no exterior. Mas o fim da produção e as novas estratégias da marca fizeram com que o SUV se despedisse do mercado sem deixar substituto. Agora, a fabricante norte-americana está empenhada em investir nos carros elétricos.


Com essa decisão, a fábrica romena, que já produz o Puma, passa por uma modernização para receber o possível projeto da variante elétrica do SUV, prevista para 2024. Entretanto, até o momento, a Ford mantém o modelo em segredo. Ou seja, não há detalhes. Sabe-se apenas que o modelo não receberá a plataforma MEB da Volkswagen, que dará origem a outros dois veículos da marca do oval azul. Inclusive, o primeiro será um crossover.

EcoSport Indiano
Autocar India/Reprodução

Estratégia no Brasil

Com o fim da linha Ka e do Ecosport, a Ford continua a sua reestruturação no País. Atualmente, o carro-chefe da marca é a picape Ranger. No início do ano chegou a Maverick, que é feita no México sobre a base do Bronco Sport. A picape tem tamanho de Fiat Toro, mas veio com preço de Ranger e motor 2.0 Ecoboost de 253 cv e 38,7 mkgf de torque. Além delas, há o SUV 4X4 Bronco Sport. E a marca lança ainda neste ano o elétrico Mustang Mach 1.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Ford Ranger LTD
Oferta exclusiva

Ford Ranger LTD

Deixe sua opinião