Você está lendo...
GM lança novos Chevrolet Cruze RS e Midnight no Brasil; veja os preços
Lançamentos

GM lança novos Chevrolet Cruze RS e Midnight no Brasil; veja os preços

Com valores a partir de R$139 mil, nova linha do Cruze traz visual arrojado e esportivo, mas permanece com o mesmo motor; vendas devem começar em fevereiro

Jady Peroni, especial para o Jornal do Carro

27 de jan, 2022 · 7 minutos de leitura.

GM Cruze
Cruze RS e Midnight chegam às lojas brasileiras em fevereiro
Crédito:Divulgação/Chevrolet

A GM apresentou duas novas versões do Chevrolet Cruze no Brasil. A versão hatchback Sport6 agora conta com a configuração esportiva RS (sigla de Rally Sports). Já a nova versão Midnight entra no catálogo do sedã, apostando em um visual com tonalidade escura e visual esportivo.

Vale ressaltar logo de cara, no entanto, que os modelos não receberam alterações mecânicas, apenas ajustes pontuais. Dessa forma, eles são equipados com o já conhecido motor 1.4 16V turbo flex, com 153 cavalos de potência e torque máximo de 24,5 mkgf. O câmbio é automático de 6 marchas, com sistema inteligente e possibilidade de trocas manuais.

De acordo com a montadora, a dupla será importada da Argentina e chegará às concessionárias brasileiras no começo de fevereiro. Procurada pelo Jornal do Carro, a GM confirmou que os preços sugeridos são de R$154.500 para o Cruze RS e R$139.350 para o Midnight.


Divulgação/Chevrolet

Hatch moderno

O Cruze passou por um ''tuning de fábrica'' e a versão RS é inspirada no modelo que era comercializado nos Estados Unidos. Dessa forma, uma das principais modificações é o novo desenho do para-choque, que possui linhas diagonais mais encorpadas.

Além disso, para apimentar ainda mais o visual do hatch, a GM apostou nos acabamentos escuros. Então, o preto se faz presente em lugares como a grade frontal, o teto (que ganha um detalhe metálico), nas colunas e nos retrovisores. Outros focos como o emblema da Chevrolet, os vidros e os faróis de LED também ganham tons escurecidos, realçando a nova proposta.


Divulgação/Chevrolet

Segundo a montadora, o Cruze RS recebeu uma calibração diferenciada na direção elétrica, visando entregar mais estabilidade em curvas, além de respostas mais rápidas e precisas em alta velocidade. Há mudanças também na suspensão, com ajuste mais esportivo e a adoção de amortecedores especiais e eixo traseiro mais rígido.

Por fim, a versão chegará ao mercado nas cores Preto Ouro Negro, BrancoSummit, Cinza Satin Steel e o Vermelho Chili. Segundo a GM, o Cruze RS passa a ser a única versão oferecida para o hatch, já que seria aquela que melhor atende ao público-alvo, segundo estudos e clínicas. "A partir de agora, todo Cruze hatch será RS'', comentou Rodrigo Fioco, diretor de Marketing de Produto GM América do Sul, na live de lançamento do modelo.


Sedã "all black"?

Já deu para perceber que a Chevrolet está seguindo a mesma estratégia adotada na reestilização do Onix, que na versão sedã Plus, também ganhou o pacote Midnight. No entanto, há uma diferença. Dessa vez, nem tudo será escurecido. Então, além do Preto Ouro Negro, o sedã também estará disponível nas cores Cinza Satin e o Azul Eclipse.

Divulgação/Chevrolet

Em contrapartida, tanto os acabamentos internos quanto os externos continuam com uma mistura entre o preto e o cromado. O tom escuro está presente, por exemplo, na linha da cintura do veículo, que ajuda a lembrar uma silhueta de fastback. Em outros detalhes como, por exemplo, a grade e o emblema da Chevrolet, o cromado é escuro. O mesmo acontece com as rodas de liga leve, de 17 polegadas.


No interior, os bancos são de couro Jet Black e todos os acabamentos, inclusive nas saídas de ar-condicionado, são em preto metálico.



Conectividade

Segundo a marca, ambos os modelos contam com uma ampla lista de tecnologias, que engloba Wi-Fi nativo, o aplicativo MyChevrolet, conexão com Android Auto e Apple CarPlay e o sistema MyLink. Para completar, também há o OTA (over the air), que permite atualizações dos sistemas eletrônicos do veículo de maneira remota.

Divulgação/Chevrolet

Atraso na programação

Em julho do ano passado, a General Motors anunciou o lançamento de quatro modelos até o final de 2021. Conforme o cronograma, a marca norte-americana estreou o novo Bolt, o SUV Equinox reestilizado e a inédita versão Z71 da picape S10. No entanto, a série do Cruze, que era a mais esperada pelos fãs, acabou ficando para o começo deste ano.

A GM não revelou o exato motivo do atraso. Mas, espera-se que a crise dos semicondutores, que voltou a afetar algumas montadoras, possa ter sido um dos principais motivos.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se