As melhores opções de carros de R$ 100 mil

Principais opções estão nos segmentos de SUVs e sedãs médios

Kicks carros de R$ 100 mil
Nissan Kicks Foto: Felipe Rau/Estadão

O mercado brasileiro está hoje bastante voltado aos segmentos de hatches compactos e SUVs. Alguns sedãs médios, porém, ainda têm espaço. E estão nessas duas últimas categorias as melhores opções de carros de R$ 100 mil (preço aproximado e máximo).

Porém, se você curte uma pegada mais esportiva, que tal dar uma chance aos hatches médios? Eles estão em extinção, é fato. Dos feitos no Mercosul, vão restar este ano apenas o Cruze Sport6 e o Golf, ambos feitos no Brasil.

Porém, os hatches médios são bem mais divertidos que os sedãs e, especialmente, os SUVs. Entre os carros de R$ 100 mil, o segmento é representado pelo Cruze Sport6.

O QUE COMPRAR COM R$ 100 MIL

LEIA TAMBÉM

A R$ 97.790, ele traz o bom motor 1.4 turbo de 150 cv e ampla lista de equipamentos, que já inclui a boa central multimídia MyLink desde a versão de entrada.

O Golf 1.4 turbo, com a mesma potência, ultrapassa dos R$ 110 mil. O 1.0 turbo sai por cerca de R$ 92 mil, mas é bem menos interessante quando o assunto é desempenho.

Para quem quiser uma picape entre os carros de R$ 100 mil, há a Toro Endurance, de entrada, por cerca de R$ 95 mil.

Carros de R$ 100 mil: sedãs médios

O novo Jetta de entrada, 250 TSI, é uma boa opção entre os carros de R$ 100 mil. Equipado com o mesmo motor 1.4 turbo do Golf, ele anda bem e tem tabela de exatos R$ 99.900.

Com porta-malas de 510 litros, oferece central multimídia, ar-condicionado de duas zonas, start-stop, seis air bags e freios de estacionamento elétrico.

O Cruze tem pacote semelhante pelos mesmos R$ 97.790 da versão hatch.

SUVs

A maioria das versões de topo dos SUVs compactos ultrapassa os R$ 100 mil. Creta, Renegade e Tracker mais caros custam em torno de R$ 105 mil, enquanto o HR-V se aproxima dos R$ 108 mil.

Entre os melhores SUVs do mercado, um topo de linha  próximo dos R$ 100 mil é o Nissan Kicks, por R$ 101.390. Trata-se da versão SL com pacote Tech.

Porém, dá para levar a SL sem o pacote Tech (que é composto por alerta de colisão com assistente de frenagem e faróis de LEDs). Nesse caso, o preço é reduzido a R$ 98.990 e a lista de itens é ampla, com destaque para exclusividades como câmera 360° e controle de chassi.

Além disso, o Kicks é espaçoso e traz bom espaço interno. Já o C4 Cactus mais caro, Shine 1.6 turbo, sai a R$ 99.990.

Porém, se você achar o motor 1.6 do Kicks muito fraco, uma opção é o Tracker com o 1.4 turbo de 150 cv na versão de entrada, LT. O investimento ficará mais para R$ 90 mil do que para R$ 100 mil. Ele custa R$ 92.590.

Apesar de ser pequeno e com porta-malas limitado, o Tracker é um dos carros mais rápidos da categoria. O Renegade a diesel também seria excelente opção. Porém, a versão mais em conta com esse motor está fora do orçamento: sai por quase R$ 128 mil.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas