Lançamentos

Novo Honda HR-V estreia na Europa com versão híbrida que faz 18,5 km/l

Nova geração do Honda HR-V estreia versão híbrida e:HEV com motor 1.5 a gasolina e outro propulsor elétrico para gerar 131 cv e 25,3 mkgf

Diogo de Oliveira

29 de jul, 2021 · 7 minutos de leitura.

Honda HR-V 2023" >
Nova geração do SUV Honda HR-V estreia na Europa e será vendida por lá exclusivamente na versão híbrida e:HEV
Crédito:Honda/Divulgação

Meses depois de mostrar as primeiras imagens da nova geração do HR-V, a Honda finalmente revela imagens reais e os dados técnicos da inédita versão híbrida e:HEV. Na Europa, o SUV será vendido exclusivamente nesta configuração, que une o motor 1.5 a gasolina a outro motor elétrico, entregando média de consumo formidável e bom desempenho.

Segundo a marca japonesa, o novo HR-V e:HEV é capaz de fazer média de consumo de até 18,5 km/l de gasolina. O sistema da Honda traz o motor 1.5 aspirado a gasolina de ciclo Atkinson. Ele difere do 1.5 flexível à venda no Brasil, e gera 106 cv e 12,9 mkgf de torque. Entretanto, quando associado ao motor elétrico, o desempenho chega a 131 cv e 25,3 mkgf.

Honda HR-V 2023
Honda/Divulgação

Dessa forma, a marca japonesa anuncia que o novo HR-V híbrido acelera de zero a 100 km/h em 10,6 segundos. E, mais importante, emite 122 g/km de CO2. Além disso, por ser híbrido, a nova geração do SUV utiliza apenas eletricidade em certos momentos, como quando no trânsito pesado das grandes cidades. Assim, o modelo fica livre de emissões.

Ainda de acordo com a fabricante, o HR-V e:HEV oferece três diferentes modos de condução: econômico, híbrido e esportivo. Ou seja, conforme o ajuste escolhido, o utilitário muda de comportamento, tornando a condução mais arrojada, ou branda, para poupar combustível. E tal como nos híbridos da Toyota, o Honda HR-V regenera energia nas frenagens.

Vem para o Brasil?

Essa é a pergunta-chave. É quase certo que o novo Honda HR-V ganhe, portanto, a versão híbrida em nosso mercado. Contudo, isso pode demorar um pouco a acontecer. Como há ainda poucos modelos híbridos à venda, e a tecnologia ainda tem um custo maior, a marca japonesa deve adiar a chegada do modelo para 2024. Até lá, o plano é nacionalizar a tecnologia.

Honda HR-V 2023
Honda/Divulgação

Há cerca de três meses, a Honda lançou no Brasil o seu primeiro carro híbrido, o Accord e:HEV. Na Ocasião, a marca antecipou que pretende lançar três híbridos no País nos próximos anos. Um deles é o Accord, que chega às lojas em agosto. E os outros dois tendem a ser o CR-V, além da nova geração do sedã Civic, que passará a ser importada em 2022.

Dessa maneira, aparentemente o novo HR-V não terá opção híbrida na chegada. Assim, deverá apostar nos conjuntos mecânicos atuais. O lançamento deverá ocorrer no primeiro trimestre de 2022. Vale registrar que a Honda está desenvolvendo um novo SUV na Índia. Com isso, o HR-V subirá de patamar, e vai aproximar do Toyota Corolla Cross.



Novo HR-V já está registrado no Brasil

A Honda vai manter a tradição e lançar no Brasil o novo HR-V com o mesmo visual visto nos demais mercados onde o SUV atua. É o que mostram os desenhos industriais registrados no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). No primeiro deles, a grade tem barras horizontais que parecem se fundir ao para-choques, com a peça tem a mesma cor.

Já a segunda versão registrada tem uma grade do tipo colmeia, que, por sua vez, cria um efeito tridimensional. Este é justamente o acabamento da versão híbrida no Japão, onde o HR-V se chama Vezel. Contudo, na Europa, o modelo híbrido aparece com a primeira grade, tal como na foto que abre esta reportagem do Jornal do Carro.

Continua depois do anúncio
Honda HR-V 2022
Honda/Divulgação

Mecânica veterana

O carro-chefe de vendas da Honda no Brasil deverá ficar com o 1.8 flex atual de até 140 cv, bem como poderá manter o 1.5 turbo de até 173 cv já disponível na versão Touring. Além destes, há a versão híbrida, que pode chegar somente por volta de 2024, quando outras marcas concorrentes, como a Volkswagen, já terão lançado seus sistemas híbridos no País.

Foco na segurança

A Honda vai equipar toda a sua gama de modelos com o pacote de segurança Sensing. Ou seja, os recursos semiautônomos estarão disponíveis no novo HR-V. O SUV terá frenagem automática de emergência com detector de pedestres, assistente de permanência de faixa, controle de cruzeiro adaptativo com reconhecimento de placas de trânsito, assim como alerta de ponto cego. Tais itens devem equipar versões mais caras.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se