Notícias

Rival da Fiat Toro, picape Chevrolet Montana é fotografada em testes

Nova geração da picape Chevrolet Montana está prevista para 2023 no Brasil; flagra mostra inspiração de design em SUV chinês

Jady Peroni, Especial para o Jornal do Carro

22 de out, 2021 · 7 minutos de leitura.

lançamentos" >
Nova geração da Chevrolet Montana é flagrada em testes na Coreia do Sul
Crédito:Sonho Bobbae

Em junho, o Jornal do Carro trouxe a confirmação de que a GM vai produzir uma picape inédita que será rival direta da Fiat Toro. O modelo em questão é a nova Chevrolet Montana, que, inclusive, já tem protótipos no Brasil e está prevista para estrear só em 2023. Pois os primeiros flagras da picape acabam de sair, mas foram feitos nas ruas da Coreia do Sul.

Nas imagens publicadas pelo site local Auto Post, é possível ver alguns detalhes interessantes do design. Para começar, a opção de cabine dupla com quatro portas está confirmada pelas fotos do protótipo em testes. Além disso, dá para notar que a carroceria da picape será alta. Bem como calçará rodas de maior diâmetro.

Vale lembrar que a nova versão da Montana é um projeto brasileiro e, portanto, será feita em São Caetano do Sul, no ABC paulista. Porém, de acordo com o portal sul-coreano de notícias, as fotos foram feitas em Bupyeong-gu, onde fica um dos principais centros de engenharia e design da GM do outro lado do mundo, no país asiático.

Nova Chevrolet Montana
Sonho Bobbae

Plataforma do Onix e do Tracker

A unidade será construída sobre a base global GEM, que também faz parte do SUV compacto Tracker e dos hatchs Onix e Onix Plus. E não é só: a arquitetura servirá à nova geração da Spin, esperada para 2022. Mas não para por aí. A nova picape também tem referências do Trailblazer chinês, SUV diferente do nosso Trailblazer, que é derivado da picape S10.



Percebe-se a inspiração logo na dianteira. Isso porque, nas imagens, a picape aparece com faróis duplos e com um conjunto ótico principal. Logo na parte de cima, está a iluminação diurna em LED, que será uma linha que segue o molde da versão. Esse design ainda não tinha sido visto em território brasileiro, então será algo novo.

Ainda, nas imagens, é evidente que a picape terá uma coluna C mais larga. Já na traseira, não se nota grandes informações, visto que a camuflagem impedia qualquer conclusão. No entanto, a caçamba parece ?''pequena'' em relação ao esperado e, diferentemente da Toro que abre lateralmente, na Montana, ela abrirá para baixo.

Nova Chevrolet Montana
Divulgação/GM

Motorização do Tracker?

Ainda não há certezas sobre as opções de motorização na nova Chevrolet Montana. Mas, segundo informações, é possível que a picape aproveite o motor 1.2 turbo de 133 cv que está disponível no Tracker. No SUV, o propulsor oferece ainda 5.500 rpm e torque de 21,4 kgfm. Já o câmbio será de transmissão manual de seis velocidades, porém, também terá a opção de câmbio automático.

Além disso, há também especulações sobre um motor 1.3 turbo de três-cilindros que, com injeção direta, o que não se espera ter na nova versão, pode chegar a 163 cv. Porém, por ora, não há nada confirmado.

Picape Chevrolet Montana
Projeção mostra como pode ficar a dianteira da nova Montana (K Design AG/Estadão)

Lançamento no Brasil

O nome e o lançamento da picape Montana no Brasil foram revelados em junho. E, dessa forma, é esperado que a apresentação da versão seja feita em 2022 e chegue nas concessionárias em 2023. No anuncio, o chefe da GM, Carlos Zarlenga, frisou a importância do produto em território nacional.

Continua depois do anúncio

''É super importante para nós esse novo produto, é super importante para a presença da GM no Brasil. Nós estamos muito comprometidos com a nossa presença no Brasil'', disse, numa clara cutucada na Ford, que fechou suas fábricas brasileiras em janeiro. ''E eu acho que a nova Chevrolet Montana vai fazer uma enorme diferença em nosso portfólio'', completa.

Picape Chevrolet Montana
K Design AG/Jornal do Carro/Estadão

Segmento em alta

O segmento de picapes intermediárias vem crescendo. Ou seja, são modelos maiores que as compactas, como a Fiat Strada e a Volkswagen Saveiro. Porém, menores que a Toyota Hilux e a Ford Ranger. Dessa forma, vem atraindo novos competidores.

Entre as novatas está a Ford Maverick, que chegará em 2022 no país e está em produção na base do SUV Bronco. Outra que tem grande potencial de chegar ao Brasil é a Hyundai Santa Cruz, que, por aqui, usaria a base da nova geração do SUV Creta.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se