Você está lendo...
Só quatro carros no Brasil custam menos de R$ 80 mil; veja quais são
Mercado

Só quatro carros no Brasil custam menos de R$ 80 mil; veja quais são

Mobi é o mais barato dos quatro carros da lista e, em promoção, sai por R$ 63.990; ação da Peugeot baixou preço do 208 em R$ 14 mil

Vagner Aquino, especial para o Estadão

17 de nov, 2023 · 6 minutos de leitura.

Publicidade

Carros
No sentido horário, começando pelo topo à esquerda: Peugeot 208, Citroën C3, Fiat Mobi e Renault Kwid
Crédito:Peugeot/Citroën/Fiat/Renault/Divulgação

A invasão chinesa acabou provocando baixa nos preços dos carros zero-km no Brasil. Em nome da competitividade, diversas promoções e descontos vêm acontecendo, não só nos modelos elétricos e híbridos mas também no pelotão de entrada. Contudo, há pouquíssimas opções por menos de R$ 80 mil. Basicamente, apenas quatro modelos custam abaixo disso. São eles: Fiat Mobi, Renault Kwid, Peugeot 208 e Citroën C3, que acaba de ganhar desconto e agora parte de R$ 67.990.



C3

carro popular Citroën C3
C3 entrou na onda de ofertas dos carros nacionais (Citroën/Divulgação)

O hatch da marca francesa, que chegou ao mercado em segunda geração em agosto de 2022 para concorrer com carros como Hyundai HB20, Chevrolet Onix e, à época, Volkswagen Gol, partia de R$ 68.990. Hoje, em promoção até 5 de dezembro - ou enquanto durarem os estoques - o Citroën C3 23/23 ou 23/24 baixou R$ 2.000 na configuração de entrada, Live.

Publicidade


Pelo montante, o carro oferece motor 1.0 Firefly com três cilindros e 75 cv, 10,7 mkgf de torque e câmbio manual de cinco marchas. Na lista de itens de série oferece ar-condicionado, vidros dianteiros com comando elétrico e assistente de partida em rampa, por exemplo.

Mobi

Fiat Mobi
Mobi é o mais barato do Brasil, atualmente (Fiat/Divulgação)

Também pertencente à Stellantis, o Mobi trava uma eterna batalha contra o Renault Kwid pelo posto de carro mais barato do Brasil. Por ora, o exemplar da montadora italiana vence, afinal, a Fiat resolveu baixar o preço da versão de entrada, Like, em R$ 6.000. De R$ 69.990, caiu para R$ 63.990. Isso, no entanto, graças à estratégia de comercializá-lo por meio de venda direta para o consumidor.


Equipado com o motor 1.0 Fire, dispõe de 74 cv, 9,9 mkgf de torque e câmbio manual de cinco marchas. De série, vem com computador de bordo, ar-condicionado, comando elétrico para travas e vidros dianteiros, bem como direção hidráulica.

A configuração Trekking, topo de linha do Mobi, é um pouco mais cara, mas também fica abaixo dos R$ 80 mil. Mais precisamente, sai por R$ 73.590. O motor é o mesmo da versão de entrada e, a mais, tem visual aventureiro (com adesivos e rack de teto), tela central com 7" e sistemas Android Auto e Apple CarPlay wireless, por exemplo.

Kwid

carros
Kwid tem 4 versões de acabamento (Renault/Divulgação)

O Renault Kwid nasceu com a proposta de ser um carro barato. Em 2017, quando pintou no Brasil, não chegava a R$ 30 mil. Hoje, não é mais tão em conta assim. Porém, todas as versões ficam abaixo dos R$ 80 mil. Suas quatro configurações de acabamento (Zen, Intense, Intense Pack Biton e Outsider) vão de a R$ 71.190 a R$ 76.990.

O compacto tem, em todas, motor 1.0 três cilindros, 71 cv, 10 mkgf e câmbio manual de cinco marchas. De fábrica, tem direção elétrica, ar-condicionado, comando elétrico para os vidros dianteiros, sistema Start & Stop, auxílio de partida em rampa e sensor de pressão dos pneus, entre os itens.

208

carros
Peugeot 208 Like baixou R$ 14 mil (Peugeot/Divulgação)

O Peugeot 208 também pertence ao segmento de entrada. Mas, de qualquer forma, está longe de ser dos carros mais baratos do Brasil. É, inclusive, mais caro que o líder de vendas entre os automóveis, o Volkswagen Polo, que parte de R$ 87.290 na versão Track. Sua tabela original vai de R$ 89.990 (Like) a R$ 114.990 (Griffe 1.0 turbo), sem contar o elétrico e-208 GT, que não sai por menos de R$ 235.990. Entretanto, a marca está com promoção. Até o dia 6 de dezembro, o hatch da marca francesa parte de R$ 75.990 na configuração base. R$ 14 mil de abatimento.

O Peugeot 208 Like tem motor 1.0 aspirado de 75 cv de potência e 10,7 mkgf de torque. O câmbio, por sua vez, é manual com cinco marchas. Na lista de equipamentos conta com rodas de aço com 15", ar-condicionado digital, assistente de partida em rampa, central multimídia de 10,3 polegadas e, por fim, vidros elétricos dianteiros.

Siga o Jornal do Carro no Instagram!


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Deixe sua opinião