Você está lendo...
Flagra: Jeep Renegade com motor 1.3 turbo é clicado em testes e mostra volante do Compass
Notícias

Flagra: Jeep Renegade com motor 1.3 turbo é clicado em testes e mostra volante do Compass

Novo Jeep Renegade chegará no início de 2022 com os novos motores GSE turbo 1.0 e 1.3, ambos flexíveis. Volante e multimídia virão do Compass

Emily Nery, Especial para o Jornal do Carro

13 de jul, 2021 · 6 minutos de leitura.

Jeep Renegade 2023 é flagrado com leve plástica visual e interior mais refinado
Jeep Renegade 2023 é flagrado com leve plástica visual e interior mais refinado
Crédito:Reprodução/ Instagram: Jailzo Maciel / Andre Gessner @gessnermotors

Seguindo a tendência na categoria dos SUVs compactos, a Jeep irá incluir o novo motor 1.3 GSE turbo (T270) na gama do Renegade. Para acompanhar o novo trem de força, o jipe ganhará uma leve plástica visual, assim como aconteceu com o Compass. Embora a novidade deva chegar somente na linha 2023, no início de 2022, um recente flagra mostra o modelo ostentando o novo visual com uma inédita cabine.

Ainda bastante camuflado, o SUV foi flagrado em uma cegonheira na região de Marimbondos, em Alagoas, por Jailzo Maciel. A foto, publicada no perfil do Andre Gessner (@gessnermotors) mostra uma leve diferença na grade dianteira, cujas sete fendas parecem um pouco menores, mas o efeito que pode ter sido causado pela camuflagem mais pesada.

Jeep Renegade 2023 é flagrado com leve plástica visual e interior mais refinado
Flagra revela a grade do SUV levemente menor e o espaço da placa de identificação posicionado mais abaixo do que o modelo atual Reprodução/ Instagram: Jailzo Maciel / Andre Gessner @gessnermotors

Além disso, o espaço que leva a placa do carro está um pouco mais abaixo do que o normal. Embora possa ser consequência do disfarce, isso pode indicar uma plástica no para-choque dianteiro. Desse modo, essa será a segunda e derradeira reestilização antes da nova geração.

Volante à la Compass

Um dos registros revela o interior da linha 2023 do SUV. Por sua vez, ela adota um novo volante multifuncional semelhante ao do Compass e do Commander. Com estofamento em couro, os bancos dianteiros empregam abas laterais para dar mais conforto ao motorista e passageiro.

Jeep Renegade 2023 é flagrado com leve plástica visual e interior mais refinado flagra
Assim como para o Commander, Jeep Compass vai inspirar design do painel do novo Renegade, aponta o flagra Reprodução/ Instagram: Jailzo Maciel / Andre Gessner @gessnermotors

Encoberto, o painel promete adotar a central multimídia de 10,1 polegadas, já presente nas versões mais caras do Compass. As configurações de entrada deverão receber a tela multimídia de 8,4". Ele terá conexão com Android Auto e Apple CarPlay, bem como deverá oferecer a plataforma de conectividade Adventure Intelligence com Wi-Fi embarcado.

Novo Renegade deverá herdar interior do novo Compass DIvulgação/Jeep

Motor turbinado

O chamariz do novo Renegade, entretanto, será o propulsor turbinado. Assim, as versões flex mais caras receberão o novo motor 1.3 T270 que gera até 180 cv e 27,5 mkgf de torque. Atrelado a ele, estará o câmbio automático de seis velocidades.


Como de costume, as versões mais caras continuarão com o 2.0 turbo diesel e, possivelmente, adotarão o tanquinho de Arla 32 para reduzir as emissões de poluentes. Acoplado a esse trem de força, está o câmbio automático de nove marchas.



Fim do motor 1.8 E.torQ

Falando sobre emissão de poluentes, a Jeep adotou o tanque de Arla 32 no Compass como forma de se antecipar à próxima fase (L7) do Proconve, o Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores.

Contudo, o 1.8 E.torQ não terá o mesmo destino: as novas regras, que entrarão em vigência no dia 1º de janeiro de 2022, obrigarão a montadora a tirar o veterano motor de linha logo no início do ano, de acordo com informações apuradas pelo site Autos Segredos.


Tal como antecipamos no Jornal do Carro, o motor 1.8 aspirado está com os dias contados e não chegará à linha 2023. Seu substituto, portanto, deverá ser o motor 1.0 turbo flexível da Stellantis, que estreará ainda neste ano no SUV Fiat Pulse. O câmbio que trabalhará com esse propulsor será o inédito CVT. Desta forma, esse conjunto mecânico equipará somente as versões de entrada do SUV.

Jeep Renegade 2023 é flagrado com leve plástica visual e interior mais refinado flagra
Flagra do novo Renegade foi feito em Marimbondos, no Alagoas Reprodução/ Instagram: Jailzo Maciel / Andre Gessner @gessnermotors

Estratégia para continuar líder

A troca de propulsores será estratégica para manter o Renegade como líder da categoria. Ele entrará para o grupo de SUVs com motores turbo, oferecendo dois tipos de trens de força turbinados.


Vale reiterar que, alguns concessionários afirmavam que o SUV compacto da Jeep chegaria ainda neste ano com o propulsor turbo. Assim, um dos motivos plausíveis para o adiamento do lançamento é a falta de semicondutores, que acaba por limitar a produção das montadoras.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se