Hyundai Kona 2025
Diogo de Oliveira/Estadão

Flagra: novo Hyundai Kona roda sem disfarce em SP e chega logo

Com versões elétrica e híbrida, crossover Hyundai Kona ganhará nova geração no Brasil e vai disputar vendas com BYD Dolphin e GWM Ora 03

Por Diogo de Oliveira 19 de jun, 2024 · 7m de leitura.

A Hyundai Motor Brasil está muito próxima de lançar o primeiro modelo importado após fechar acordo de unificação da operação e rede com o grupo Caoa. Tudo leva a crer que a nova geração do Hyundai Kona vai inaugurar a temporada de lançamentos da marca já em julho. É o que sugere este flagra exclusivo do Jornal do Carro, feito na Marginal do Tietê, em São Paulo. O crossover circulava sem disfarces, com placa verde e pronto para a estreia.

A escolha do Kona como primeiro lançamento da linha de importados pela HMB faz todo sentido. Afinal, o modelo anterior, lançado há cerca de um ano pela Caoa, fez sucesso imediato com versões híbrida e 100% elétrica, e preços competitivos. Pois a nova geração terá ainda mais atributos para se destacar. A começar pelo visual futurista, com faróis diurnos e lanternas traseiras em peças únicas que formam bastões de luz, com iluminação de LEDs.

Hyundai Kona 2025
Diogo de Oliveira/Estadão

Flagra mostra novo Hyundai Kona Hybrid

A imagens mostram a versão híbrida do novo Hyundai Kona, que promete preço competitivo. Aliás, o modelo da geração anterior já é um dos híbridos HEV mais acessíveis do País. O crossover também é um dos eletrificados mais econômicos na tabela do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV) do Inmetro. Pois a nova geração virá ainda melhor que a atual, conforme mostram os dados oficiais da montadora sul-coreana.

Segundo a Hyundai, o Kona trocou de plataforma e, agora, usa a mesma base do Kia Niro. Assim, está maior e mede 4,35 metros de comprimento ante os 4,20 m do modelo atual – ou seja, é 15 cm maior. Além disso, está mais potente nas versões a bateria, ambas com tração dianteira. O Kona EV 2025 tem duas opções, a mais básica gera 115 kW de potência (o equivalente a 156 cv), enquanto a de topo de linha chega a 160 kW (cerca de 218 cv).

Hyundai Kona 2025
Diogo de Oliveira/Estadão

Por sua vez, o Kona Hybrid traz o mesmo conjunto de antes, também disponível no Kia Niro. Dessa forma, combina o motor 1.6 16V de injeção direta a outro elétrico para gerar 150 kW (141 cv) e 27 mkgf de torque máximo. Neste caso, o câmbio é automático de 6 marchas.

Novo Hyundai Kona tem mais autonomia

Por fim, as baterias também aumentaram a capacidade nesta nova geração do crossover. O Kona EV tem opções de 48 kWh e 65 kWh. A primeira fornece alcance para 377 km no ciclo global WLTP, enquanto a segunda chega a 514 km. Antes, as autonomias eram de 305 km e 484 km, na mesma ordem.

Diogo de Oliveira/Estadão

Já o tempo de recarga das baterias baixou. Em estações de alta potência e corrente direta, o tempo de carregamento caiu de 47 minutos para 41 minutos, por exemplo. Também é possível recuperar até 162 km de alcance em apenas 15 minutos em estações com 100 kW de potência.

Diogo de Oliveira/Estadão

Interior é moderno e cheio de recursos

Na cabine, o crossover lembra o Ioniq 5 com duas telas de 12,3 polegadas dispostas lado a lado. Além disso, tem Head-Up display, bem como “chave digital” que permite travar, destravar e ligar o carro via celular. Outra novidade é a conectividade com atualizações remotas “Over-The-Air”.


Assim como o Ioniq 5, o novo Kona EV tem ainda a função Vehicle-To-Load (V2L). Ou seja, é possível usar o carro como fonte de energia para recarregar e alimentar outros dispositivos – tem até uma e-bike que pode ser conectada para carregamento. De série, o crossover traz também navegação por GPS, espelhamento sem fio com Apple CarPlay e Android Auto, ar-condicionado digital, portas USB-C (na frente e atrás) e rodas de 17″.

Hyundai Kona Hybrid
Hyundai/Divulgação

Novo Hyundai Kona deve subir preço

A atual geração do crossover já saiu de linha na Coreia do Sul, mas, conforme a montadora informou recentemente ao JC, ainda há unidades do modelo nas lojas brasileiras. Assim, o Kona Hybrid tem tabela de R$ 169.990, enquanto o elétrico Kona EV custa R$ 189.990. Esses preços tendem a subir um pouco com o lançamento do novo Kona. Por exemplo, o elétrica custará na faixa de R$ 200 mil, enquanto o híbrido deve passar a R$ 180 mil.


Siga o Jornal do Carro no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Hyundai Ioniq 5 N na pista! Aceleramos o elétrico com ronco de motor e marchas
Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.