Você está lendo...
Honda Fit sai de linha em dezembro e novo Civic vem no 2º semestre de 2022
Mercado

Honda Fit sai de linha em dezembro e novo Civic vem no 2º semestre de 2022

Honda confirma fim da produção dos medalhões Fit e Civic no Brasil em dezembro, dupla abrirá espaço para o novo City, em versões hatch e sedã

Diogo de Oliveira

12 de nov, 2021 · 5 minutos de leitura.

Honda Fit
Honda Fit deixará de ser produzido no Brasil em dezembro, após mais de 18 anos em linha no País
Crédito:Honda/Divulgação

Quem acompanha o Jornal do Carro já sabe dessa notícia há algum tempo. Mas agora a informação é oficial. A Honda confirmou que vai tirar de linha o Fit, um dos seus modelos mais queridos no Brasil há quase duas décadas. Lançado por aqui em abril de 2003, o monovolune revolucionou os negócios da Honda no País. Entretanto, com as evoluções feitas na nova geração, que estreou em 2019 no Japão, o Fit mudou um pouco de proposta, e tornou-se um carro mais sofisticado e com foco na eletrificação.

Para o seu lugar, a marca japonesa vai lançar neste mês o novo City, que, pela primeira vez, terá uma versão hatchback no Brasil, além do já conhecido sedã. Dessa forma, o Fit deixará de ser feito no País em dezembro, vai se despedir do mercado brasileiro sem data para voltar. O Civic também sai de linha, mas só por alguns meses. O sedã regressará no segundo semestre de 2022, importado dos Estados Unidos.

Honda Civic 2022
Honda/Divulgação

Por ora, a Honda não deu detalhes sobre como pretende lançar a nova geração do Civic aqui. Entretanto, a expectativa é de que o sedã venha na versão híbrida e:HEV, para fazer frente ao arquirrival Toyota Corolla. Há ainda o novo Civic Si, que pode também voltar, desta vez como sedã - tal como foi feito no Brasil há mais de dez anos - e não um cupê.

E o WR-V?

Embora tenha confirmado o fim do Fit e do Civic, a Honda não se posicionou sobre a continuidade do WR-V. O atual SUV de entrada da marca japonesa é, na verdade, uma derivação do Fit, tendo inclusive o interior idêntico. Por isso, é muito provável que o WR-V também saia de linha em breve. A questão agora é quem será seu substituto.

A essa altura, a Honda sabe que é fundamental ter um SUV compacto de entrada no Brasil. Nesse caso, há duas possibilidades. Uma delas é fazer aqui o BR-V, SUV de 7 lugares feito sobre a plataforma do novo City que será lançado nos próximos dias. Outra possibilidade surgiu ontem: a marca revelou o conceito SUV RS, que dará origem ao inédito ZR-V.


Honda SUV
Honda/Divulgação

Nos mercados asiáticos, como, por exemplo, Índia e Indonésia, o ZR-V vai substituir o WR-V. Dessa forma, é possível que tenhamos o SUV menor por aqui. Esta parece ser a melhor forma de evitar um confronto direto dentro de casa, com o BR-V de 7 lugares muito próximo do novo HR-V, que será lançado no início de 2022 no Brasil, já feito em Itirapina (SP).



Nova fábrica

O fim da montagem local do Civic e do Fit encerra também a produção de carros na fábrica de Sumaré, em São Paulo. A partir de 2022, a Honda vai concentrar toda a produção na nova fábrica de Itirapina, cidade próxima de Campinas, no interior paulista. A unidade ficou pronta em 2016, porém, com a crise econômica, a marca só inaugurou as instalações em 2019.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Deixe sua opinião