Mega da Virada purosangue ferrari
Diogo de Oliveira/Estadão

Mega da Virada: carros para comprar com o prêmio de R$ 570 mi

Jornal do Carro preparou lista com 10 opções que vão de Camaro a Rolls-Royce; prêmio da Mega da Virada é o maior da história

Por Vagner Aquino 26 de dez, 2023 · 11m de leitura.

Se o Papai Noel não trouxe aquele sonhado presente no dia 25 de dezembro, quem sabe a Mega-Sena da Virada seja o caminho? A edição 2023 do prêmio promete pagar ao ganhador R$ 570 milhões, conforme divulgado pela Caixa Econômica Federal. Ou seja, mais uma vez, o maior valor da história do concurso. O sorteio acontece no domingo (31).

Além de mudar a vida, tal prêmio poderia repaginar a garagem do ganhador. Com o valor do prêmio da Mega da Virada não daria para comprar, por exemplo, o Mercedes-Benz 300 SLR Unlenhaut Coupé, de 1955 – que teve uma unidade leiloada recentemente por US$ 143 milhões (quase R$ 690 milhões, na conversão direta) -, mas é possível garantir diversas opções bem divertidas. Abaixo de R$ 570 milhões existem opções que vão de elétricos a esportivos raiz, de compactos aos maiores SUVs, e até aqueles carros diferentões, com visual de gosto duvidoso e preço pra lá de salgado.

1 – Ferrari Purosangue

Mega da Virada
Diogo de Oliveira/Estadão

No finalzinho de novembro, o SUV Ferrari Purosangue chegava ao Brasil. Mas a exclusividade do modelo é tanta que o primeiro SUV da história da Ferrari tem fila de espera de, aproximadamente, dois anos. Desse modo, nem que você ganhe a tal fortuna do concurso, dá para furar a fila. Sem contar que mesmo quem tiver disposto a pagar os R$ 7,4 milhões pedidos pela marca italiana, precisa preencher alguns requisitos para garantir certa prioridade. Um deles, é, por exemplo, ser cliente da marca – a Ferrari preza quem tem um bom histórico e elimina da lista de compradores quem se comportar mal a bordo de seus esportivos (leia mais).

Seja como for, a produção inicial do Purosangue já está esgotada – um dos motivos de tanta cobiça. Com porte de Porsche Cayenne, o SUV tem 4,97 metros de comprimento, 2,03 m de largura, 1,59 m de altura e 3,02 m de distância entre-eixos. Ainda assim, o espaço é ideal para quatro adultos. Aliás, para entrar na parte de trás do (belíssimo) carro, as portas se abrem no formato suicida – direção oposta às dianteiras.

Por fim, o italiano tem motor 6.5 V12 a gasolina de 725 cv de potência, bem como 72,9 mkgf de torque máximo às 6.250 rpm. O câmbio é automatizado de oito marchas e duas embreagens. Tem tração integral e acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,3 segundos. Velocidade máxima: 310 km/h.

2 – Lamborghini Urus

Mega da Virada
Lamborghini/Divulgação

Concorrente direto do Ferrari Purosangue no mercado brasileiro, o Lamborghini Urus já virou o preferido da marca italiana por aqui. Disponível a partir de R$ 4 milhões, o SUV leva debaixo do capô o motor V8 4.0 biturbo de 660 cv. O torque fica em 86,6 mkgf. Desse modo, o esportivo pode acelerar de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos e atinge velocidade máxima de 305 km/h.


3 – Rolls-Royce Boat Tail

Rolls-Royce
Rolls-Royce/ Reprodução

Levar para casa o carro mais caro do mundo também pode virar realidade. O Rolls-Royce Boat Tail que é considerado um “iate sobre rodas”, pela exclusividade, cobra o equivalente a 157 milhões. Feito sob encomenda, o modelo tem pintura em dois tons com pigmentação exclusiva, acabamento de luxo na cabine bem como uma “suíte” com frigobar para champanhe e guarda-sol. Debaixo do capô, tem o V12 biturbo de 6,75 litros e 563 cv. O câmbio automático tem 8 marchas.

4 – Bugatti la Voiture Noire

Mega da Virada
Bugatti/Divulgação

Ainda falando de carros caros, a Bugatti (que estreou no México e virá para o Brasil e América do Sul) não poderia ficar de fora dessa lista. O La Voiture Noire, ou “Carro Preto”, em tradução livre do francês, tem inspiração no Type 57 SC Atlantic, da década de 1930. No entanto, tem motor W16 de 8 litros, quatro turbos, 1.500 cv de potência e mais de 163 mkgf de torque. O supercarro teve apenas uma unidade produzida pela marca. Cabe recordar que o modelo foi revelado durante o Salão de Genebra (Suíça), em 2019, e hoje custa US$ 18,7 milhões (R$ 87 milhões).


5 – BMW i7

Mega da Virada
Leo Souza/Estadão

No Brasil desde agosto deste ano, o BMW i7 quebrou paradigmas. E não por ultrapassar cinco metros de comprimento, ou por sua motorização elétrica (dois propulsores, um em cada eixo) com potência total que supera os 540 cv. O sedã de altíssimo luxo se inspira na Rolls-Royce – que pertence ao mesmo grupo – e tem até teto estrelado. Mas, o grande chamariz do carro é, de fato, a tela de 31 polegadas e resolução 8k voltada aos ocupantes traseiros. Aliás, quem senta ali pode reclinar a poltrona, tem acesso à massagem, som de primeira linha e ainda conta com as mais recentes tecnologias do BMW Group. Como comodidade e luxo têm um preço, o interessado precisa desembolsar R$ 1.282.950.

6 – Camaro Collection

Mega da Virada
Chevrolet/Divulgação

Voltando um pouco à realidade do brasileiro, que fez do Camaro um sucesso, a série especial Collection do esportivo da Chevrolet também é uma opção nessa lista. O esportivo chegará ao País com apenas 125 unidades. As entregas, que começarão logo após a virada do ano, marcarão a despedida do esportivo, que tem motor 6.2 V8 de 461 cv e e 62,9 mkgf de torque. Faz de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos. E tem velocidade máxima de 290 km/h (versão cupê).


7 – Aston Martin DBX 707

Aston Martin
Aston Martin/Divulgação

O Aston Martin DBX 707 está disponível no País por R$ 3,4 milhões. O SUV conta com motor 4.9 V8 biturbo que entrega 707 cv de potência (daí o nome) e 91,8 mkgf de torque. A transmissão é de dupla embreagem com 9 marchas. Por fim, o SUV ainda conta com suspensão a ar e amortecedores adaptáveis.

8 – Porsche 911 GT3 RS

Mega da Virada
Porsche/Divulgação

Motor 4.0 boxer de seis cilindros e 525 cv, câmbio PDK de 7 marchas, tração traseira, suspensão móvel e kit aerodinâmico. Com essas características, o Porsche 911 GT3 RS é um dos modelos mais cobiçados por quem curte disputa em pista. De acordo com a marca, o esportivo acelera de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos. Tem visual agressivo e um pacote aerodinâmico cheio de recursos. Icônico como rivais do naipe de Lamborghini e Ferrari, tem preço de R$ 1,92 milhão no Brasil.


9 – Mercedes-AMG G63

Mercedes AMG G63
Thiago Queiroz/Estadão

O Mercedes-AMG G63 parte de R$ 1.869.900 e pode passar dos R$ 2 mi com todos os opcionais inclusos. Trata-se de um 4×4 único, com modificações feitas pela AMG que incluem assinatura no motor 4.0 V8 biturbo a gasolina do engenheiro responsável por sua montagem. O jipão tem peso superior a 2,5 toneladas, mas leva apenas 4,5 segundos para chegar de 0 a 100 km/h – e tem velocidade máxima de 240 km/h, limitada eletronicamente. Isso se deve, também, ao torque de 86,7 mkgf disponível a 2.500 rpm. Tem câmbio automático de 9 marchas e tração 4×4.

10 – Tesla Cybertruck

Mega da Virada
Tesla/Divulgação

Para fechar a lista, quem curte carro com visual exótico e porventura ganhar a Mega da Virada, pode optar pela Tesla Cybertruck. A picape que – após anos e anos de promessa -, finalmente, chegou às mãos dos compradores, está à venda e pode ser encomendada no Brasil. As entregas estão previstas para 2024 (sem data exata) por meio da importadora Direct Imports. De acordo com a empresa, duas versões da picape estarão disponíveis para encomendas. A AWD custa R$ 840 mil e a Cyberbeast, R$ 990 mil. Dependendo da versão, a picape pode ter um ou dois motores elétricos e aceleração de 0 a 100 km/h em, aproximadamente, 5 segundos.


Siga o Jornal do Carro no Instagram!

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Campo obrigatório
Cep inválido
CPF/CNPJ inválido
Telefone inválido
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.