Você está lendo...
Novo Chery QQ elétrico estreia na China com preço de R$ 27 mil
Lançamentos

Novo Chery QQ elétrico estreia na China com preço de R$ 27 mil

Nova geração do Chery QQ agora é 100% elétrica e chega à China no fim de dezembro; mini carro tem três versões de acabamento e preço de 29.900 yuans

Vagner Aquino, especial para o Jornal do Carro

20 de dez, 2021 · 4 minutos de leitura.

Chery
e fruto da sub-divisão iCar Ecology, parte da Chery exclusiva para modelos elétricos
Crédito:Chery/Divulgação

Para tentar despertar o interesse da "geração Z", a Chery precisou reinventar seu modelo de entrada. Afinal, a ideia agora é gastar pouco, poluir zero e ter apenas um meio de transporte que leve do ponto A ao ponto B.

Foi com essa receita prática que a marca chinesa criou a nova geração do QQ. Batizado de QQ Ice Cream, o carrinho tem linhas modernas, carroceria duas portas e apenas 2,98 metros de comprimento. O subcompacto chega ao mercado local no dia 28. Para o Brasil, no entanto, não há estimativa.

Por lá, o Chery tem o objetivo de enfrentar o Wuling Hongguang MiniEV, produzido pela joint venture da GM local e considerado o veículo elétrico mais vendido do mercado.


Elétrico de potência irrisória

Ao contrário da época em que revelou o QQ Ice Cream, desta vez, a Chery detalhou a motorização do mini carro. O novo Chery QQ usa baterias de lítio-fosfato de ferro de 9,6 kWh ou 13,9 kWh. De acordo com a marca, a autonomia varia entre 120 km e 170 km, a depender da versão. Voltado ao uso urbano, o pequenino tem motor 100% elétrico de apenas 27 cv. Sequer chega aos 100 km/h - o dado oficial, entretanto, não foi especificado.

Chery
Chery/Divulgação

Mesmo com apenas 1,96 metro de entre-eixos, o Chery QQ Ice Cream, entretanto, é capaz de transportar quatro pessoas. Para mais comodidade, há possibilidade de rebater os bancos e ampliar o porta-malas.




Preços e conteúdo

O Ice Cream tem três versões: Pudding, Cone e Sundae. Os preços - em yuans, moeda chinesa - são de, respectivamente, 29.900 , 37.900 e 43.900. Na conversão direta, os valores ficam entre R$ 26.800 e R$ 39.300.

Mesmo sem muitos mimos, tem itens como ar-condicionado, direção elétrica, comando elétrico para vidros, travas e retrovisores e até conjunto óptico frontal e traseiro iluminado por LEDs. As rodas têm 12".

Chery
Chery/Divulgação

Para quem não se lembra, o Chery QQ custava justamente essa média quando deixou de ser vendido no Brasil (em 2019). De acordo com o site da marca, o modelo custava exatos R$ 28.740 até novembro de 2019. Único carro 0-km abaixo dos R$ 30 mil à época, teve produção encerrada na fábrica de Jacareí (SP) em agosto daquele ano.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se