Andamos na BMW F 800 GS 2017

BMW F 800 GS 2017 chega com novo visual, controle de tração e suspensão traseira eletrônica por R$ 45.900


Controle de tração e suspensão eletrônica são novidades

A BMW se mexeu e fez melhorias na big trail F 800 GS. Na linha 2017 o modelo, que é tabelado a R$ 45.900, traz novas tecnologias para não perder espaço diante da rival Triumph Tiger 800 XC, oferecida a R$ 41.200.

Agora, a BMW passa a oferecer controle de tração e suspensão traseira eletrônica (disponível na Europa há dois anos). Ainda assim, a moto continua defasada – no exterior ela recebeu acelerador eletrônico e opção de modos de condução, que a Tiger também já tem.

De série há itens como protetores para as mãos, aquecedor de manopla, computador de bordo, cavalete central e banco comfort, com mais espuma. No visual, a F 800 GS recebeu atualizações como aletas laterais pintadas de prata. Novos também são o acabamento do tanque e os grafismos do painel de instrumentos.

O motor de 798 cm3, dois cilindros e 85 cv foi mantido, assim como o vigor na entrega dos 8,4 mkgf. Isso deixa a big trail ágil nas arrancadas e retomadas de velocidade, o que facilita a tocada mais esportiva. Colabora o câmbio de engates curtos e precisos. O senão está na excessiva vibração transmitida às pedaleiras, que poderia ser atenuada se a sexta marcha fosse mais longa.

A ciclística continua sendo um ponto forte dessa BMW e garante rápidas mudanças de trajetórias e facilidade de manobra em baixa velocidade. A 120 km/h, a frente tende a ficar um pouco leve, mas nada que comprometa a condução.

Na traseira, os ajustes eletrônicos (conforto, normal e sport), que mudam a rigidez do amortecedor são um bom avanço. Os freios têm ABS, disco duplo na frente e simples atrás. Param a moto com segurança e têm funcionamento suave.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas