Primeira Classe

Mercedes e BMW ‘lutam’ carro a carro

Briga entre líderes das marcas de luxo é acirrada; Audi e Volvo também têm boa batalha

Rafaela Borges

04 de abr, 2019 · 6 minutos de leitura.

Mercedes e BMW" >
Mercedes e BMW
Crédito: Foto: Felipe Rau/Estadão

Há brigas acirradas no mercado de luxo este ano. As líderes BMW e Mercedes-Benz são protagonistas de uma delas. A outra é entre Audi e Volvo.

A Mercedes-Benz é líder do segmento de luxo no primeiro trimestre. Nos dois últimos meses, porém, foi a BMW que liderou a categoria.

A mesma relação vale para Audi e Volvo. A alemã é, no primeiro trimestre, terceira colocada no ranking de montadoras de luxo. Porém, há dois meses vem perdendo a briga para a Volvo.

As duas brigas, no entanto, são bastante diferentes. Você entenderá mais a seguir.

Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

OS CARROS DE LUXO MAIS  VENDIDOS EM MARÇO

Audi x Volvo

Aqui, há uma inversão de curva. Enquanto a Audi perde espaço por causa da escassez de produtos de alto volume, a Volvo ganha participação.

E, assim, Audi e Volvo lutam carro a carro para definir, nos próximos meses, qual será a terceira colocada no ranking de luxo.

Em dezembro do ano passado, a Audi parou de produzir em São José dos Pinhais (PR) aquele que era seu carro mais vendido no Brasil, o Q3. As unidades ainda à venda são as que restaram em estoque.

LEIA TAMBÉM

No mês passado, por exemplo, o Q3 foi o nono carro de luxo mais vendido do Brasil (veja ranking na galeria acima). Em 2017, por exemplo, o carro ficava constantemente na liderança.

O novo Q3 já está à venda na Europa, mas não tem previsão de ser montado no Brasil. A versão importada só será lançada por aqui entre o fim deste ano e o início de 2020.

O outro modelo de maior volume da Audi é o A3 Sedan. Porém, mesmo nos segmentos de luxo, os três-volumes não têm o mesmo apelo dos SUVs.

O A4, que é o rival direto do Mercedes-Benz Classe C e do BMW Série 3, não tem grande apelo no Brasil (raramente fica entre os dez carros de luxo mais vendidos).

No caso da Volvo, a marca entrou em curva de crescimento no ano passado, com a chegada de seu menor SUV, o XC40 (veja vídeo abaixo). Este ano, o mais vendido da marca sueca, no entanto, é o XC60.

 

Vendas de Audi e Volvo

Em março, as duas marcas ficaram bem próximas. A Volvo, no terceiro lugar, somou 606 emplacamentos. A Audi obteve 579 unidades emplacadas.

No primeiro trimestre, a terceira colocada é a Audi, com 1.906 modelos vendidos, ante os 1.662 da Volvo.

 

Veja também: Nova geração do Range Rover Evoque

 

Mercedes-Benz x BMW

As duas arquirrivais alemãs também estão próximas. No mês passado, a BMW foi a montadora de luxo que mais vendeu carros no Brasil.

A montadora somou 954 emplacamentos, ante os 883 da Mercedes-Benz. No acumulado do ano, as posições de invertem.

A líder Mercedes soma 2.549 unidades vendidas e a BMW, 2.456. A briga entre as duas marcas pode ser acirrada, já que ambas trazem armas atualizadas para o segmento de maior volume dos carros de luxo.

A Classe C, carro premium mais vendido do Brasil, foi atualizado no fim do ano passado. O GLA, também da Mercedes, não deverá mudar ao menos até o fim de 2019.

Na BMW, a dupla de modelos mais vendidos é o X1 (vice-líder em março; veja ranking na galeria acima) e o Série 3. O sedã acaba de receber nova geração, o que pode aumentar o interesse pelo carro. Por outro lado, por enquanto há só a versão 330i (confira o vídeo abaixo), a partir de R$ 220 mil.

A de entrada, 320i, ainda não foi apresentada nem na Europa. A expectativa é que chegue ao Brasil apenas no fim do ano.

Newsletter Jornal do Carro

Receba atualizações, reviews e notícias do diretamente no seu e-mail.