Primeira Classe Rafaela Borges

Renegade ataca com força total o maior rival

Renegade não quer nem brincar com a hipótese de ver o arquirrival na dianteira

Jeep Renegade
Jeep Renegade Crédito: Tiago Queiroz/Estadão

O Jeep Renegade levou um belíssimo susto no mês passado. Líder tranquilo da categoria de SUVs compactos até então, viu um rival que parecia meio adormecido ressurgir em agosto com uma força absurda.

Naquele mês, o Hyundai Creta não apenas tirou o Renegade do primeiro lugar do segmento. Ele colocou no líder nada menos do que 1.500 unidades de vantagem.

Ainda assim, a liderança do Jeep até o fim do ano não estava sofrendo uma ameaça tão séria. Afinal, para ultrapassar o Renegade no acumulado do ano, o Creta teria que abrir vantagem mensal de cerca de 2 mil exemplares.

Missão difícil? Quase impossível, na verdade. Ainda assim, a Jeep não quer nem brincar com essa hipótese.

Assim, na primeira quinzena de setembro, o que se viu foi um retorno à ordem natural das forças dominantes, até então, em 2019.

Os números abaixo são os de unidades vendidas de 1º a 13 de agosto. Embora a primeira quinzena só se encerre neste domingo (15), para o setor de carros ela acabou na sexta-feira (13).

Não há emplacamentos sábado e domingo. O serviço só retorna na segunda-feira (16), primeiro dia da segunda quinzena.

 

Vídeo da semana: Teste do Caoa Chery Tiggo 7

 

Renegade retoma liderança

A liderança do modelo da Jeep na primeira quinzena foi bem sutil, de apenas 15 unidades (2.265 para o Jeep e 2.260 para o Hyundai). Ainda assim, um ataque forte à concorrência.

Afinal, o Creta via em uma curva incrível de crescimento. O Renegade não apenas conseguiu amenizar esse avanço, como também ter uma leve vantagem. Ponto para ele, que deu seu recado.

Para o fim do mês, a briga vai ser boa, e qualquer um deles pode ficar na frente. Dificilmente, no entanto, o Creta vai conseguir vantagem tão ampla como a do mês passado, se ganhar a luta.

 

LEIA TAMBÉM

 

Em agosto, o Creta já vinha em disparada desde o início do mês – na primeira quinzena, inclusive, apareceu no quarto lugar na lista não dos SUVs, mas de todos os modelos mais vendidos do Brasil. Era um sinal claro do que ocorreria no encerramento do mês.

Vale lembrar que esses são dois modelos muito fortes em vendas diretas. No caso do Creta, essa modalidade é praticada mais para clientes PCD. O Renegade também atende esse público, mas é ainda mais forte nas vendas para frotas – e um bom negócio pode desequilibrar a luta a seu favor.

Outros SUVs compactos

Discretamente, o Nissan Kicks, que havia caído para a quinta posição entre os SUVs compactos em agosto, retomou o terceiro lugar na primeira quinzena. Ainda assim, a briga por essa posição está bem acirrada, e promete momentos empolgantes até o dia 30.

O Kicks tem 1.560 emplacamentos. São só 12 unidades de vantagem para o Volkswagen T-Cross (1.548 exemplares). O Honda HR-V aparece bem pertinho da dupla, com 1.535 exemplares vendidos.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Mais artigos