Aston Martin
Aston Martin/Divulgação

Aston Martin Valhalla híbrido de 1000 cv já está em testes

Híbrido plug-in da Aston Martin que combina motor V8 e três elétricos tem mudanças estéticas na comparação com o modelo de 2019

Por Vagner Aquino 02 de jan, 2024 · 3m de leitura.

Em outubro do ano passado, a Aston Martin revelava mais alguns detalhes do superesportivo Valhalla. O modelo, vale recordar, foi exibido pela primeira vez em 2019 e tem a ajuda do piloto de Fórmula 1 Fernando Alonso em sua construção. Agora, o supercarro híbrido foi clicado em testes no centro de desenvolvimento da marca em Silverstone, no Reino Unido.

O Valhalla é o segundo supercarro de motor central da marca britânica, depois do superexclusivo Valkyrie. Impulsionado por motorização híbrida, tem tração integral. Combina, portanto, um motor 4.0 V8 twin-turbo (uma versão revisada do usado no AMG GT Black Series) e mais três propulsores elétricos. Duas das unidades movidas a bateria ficam no eixo dianteiro e um, integrado à traseira. Resultado, um híbrido plug-in que gera potência total de 1.012 cv.

Aston Martin
Modelo apresentado em 2019 (Aston Martin/Divulgação)

O câmbio automatizado de dupla embreagem e oito marchas, todavia, não tem ré – trabalho feito pelos próprios motores elétricos. A ideia é otimizar peso e aumentar o desempenho. Dados dão conta de que a velocidade máxima fique em 329 km/h. Cerca de 90% do comportamento dinâmico do Valhalla ganhou aperfeiçoamento em simulador. Além da colaboração do piloto Fernando Alonso, Lance Stroll também deu seus pitacos.

Ainda camuflado

O bólido ainda aparece ligeiramente camuflado. Esteticamente, desde o início até hoje, a grade do superesportivo ganhou retrabalho, bem como o spoiler. Tem faróis iluminados por LEDs e entradas de ar laterais remodeladas. Trata-se de um supercarro com características aerodinâmicas especiais. A asa dianteira, por exemplo, pode deitar-se plana para reduzir a resistência ou inclinar-se para cima para aumentar a pressão do ar. Ainda mais, usa asa traseira com vários elementos.

Visual mudou desde a forma original (Aston Martin/Divulgação)

Com a promessa de definir novos padrões de desempenho, dinâmica e prazer de dirigir, a Aston Martin prevê a produção do modelo para este ano. Serão, portanto, 999 unidades.

Siga o Jornal do Carro no Instagram!


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Newsletter Jornal do Carro

Complete seu cadastro para receber as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.

Campo obrigatório
Campo obrigatório
Cep inválido
CPF/CNPJ inválido
Telefone inválido
Tudo certo!

Seu cadastro foi enviado. Em breve você receberá as últimas notícias do Jornal do Carro diretamente no seu e-mail.