Nova Fiat Strada chega em 2020, mas câmbio automático só em 2021

Nova geração da picape compacta terá câmbio automático CVT, mas só em 2021

nova strada
NOVA STRADA EM TESTES Crédito: VITOR PEREIRA/ESTADÃO

A Fiat trabalha com afinco na segunda geração para lançar a nova Strada. O modelo de entrada da companhia teve muitas modificações desde que foi lançada, mas mantém a mesma plataforma desde 1998. Agora, a segunda geração chega em 2020 e já tem novidade para 2021.

Com o fim certo do câmbio automatizado (antes Dualogic, agora GSR), a Fiat prepara a introdução do automático CVT na nova Strada. A novidade chegará à picape compacta em 2021, um ano após o lançamento, nas versões de topo.

O câmbio CVT virá associado ao motor 1.3 de até 109 cv e 14,2 mkgf que já equipa outros modelos. Entre eles, como o Argo e o Cronos. A propósito, hatch e sedã são os únicos a terem a combinação do motor 1.3 com o câmbio automatizado GSR atualmente.



Nova Strada: Argo e Cronos também terão CVT

Com a adoção da caixa de câmbio do tipo CVT não só para a Strada, mas também em Argo e Cronos 1.3, a Fiat pretende garantir maior participação no segmento de carros automáticos e ainda consegue melhorar os números de consumo dos seus modelos no Conpet.

Além disso, a empresa deve manter na linha, como versão de entrada, a motorização da antiga, com o 1.4 Evo de até 85 cv – que também voltou ao Uno para deixá-lo mais barato – com câmbio manual de cinco marchas. Nas versões intermediárias, estará o 1.3 Firefly também com o câmbio manual de cinco velocidades.

nova strada
VITOR PEREIRA/ESTADÃO

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas