Peugeot 208 é ‘Carro do ano’ na Europa; será que ele repete o feito por aqui?

Nova geração do Peugeot 208 está com estreia marcada para o Brasil

peugeot
Nova geração do 208 tem visual marcante e muita personalidade Crédito: Peugeot/Divulgação

A nova geração do Peugeot 208 já vai chegar ao Brasil com “pedigree”. O hatch foi eleito o “Carro do ano” na Europa e promete ser mais um forte concorrente no segmento de compactos por aqui. O 208 será produzido na fábrica da PSA em Porto Real (RJ) e vai concorrer com carros como VW Polo e Chevrolet Onix.

INSCREVA-SE NO CANAL DO JORNAL DO CARRO NO YOUTUBE

O modelo feito aqui, no entanto, deverá ter algumas diferenças em relação ao europeu. De inicío, possivelmente não teremos a versão totalmente elétrica à venda. Na Europa, o 208 pode ser equipado com motor a gasolina, diesel ou elétrico, com poucas diferenças externas. O e-208 se parecer com os demais é intencional. A versão elétrica é tratada como um “carro normal”

No entanto, devemos receber os motores a gasolina do europeu. O 1.2 de três cilindros já é usado no 208 atual produzido aqui, mas ganharemos a versão turbinada também, com cerca de 130 cv. Ela vai substituir o 1.6 16V ainda usado pela marca no País. Ainda assim, é esperado que o novo 208 nacional também mantenha itens como o painel virtual e o teto solar.

Só que, como o 208 atual, é pouco provável que o novo carro seja um “estouro” nas vendas. Embora tenha tudo para ser um bom produto, o modelo deve continuar à sombra da imagem que a Peugeot tem no Brasil. Embora a fabricante faça de tudo para reverter esse quadro e trabalhe há décadas no assunto, os Peugeot e Citroën ainda têm fama de frágeis e de manutenção cara. Quase sempre a afirmação é falaciosa, mas até hoje os modelos sofrem com vendas baixas e desvalorização acentuada.

Corolla

Já um dos queridinhos do mercado nacional, o Toyota Corolla, foi apenas o sexto colocado na votação de melhor do ano. O modelo é igual ao vendido no Brasil, mas ainda com versões hatch. Na Europa, o Corolla tem boa reputação, de barato de manter e econômico. Porém sem o mesmo refinamento técnico de modelos alemães.

Por aqui, o modelo é líder disparado do segmento, vendendo mais do que os concorrentes somados. Também não parece se abalar com o crescimento dos SUVs. Tanto que a própria Toyota até agora não se incomodou em entrar no segmento por aqui.

Embora alguns modelos feitos aqui tenham o mesmo visual de europeus ou americanos, ainda temos algumas defasagens, principalmente sob o capô. No entanto, a distância vem diminuindo com as leis mais restritras de poluição. O lançamento de mais motores turbinado também contribuiu.

O País também ainda está para trás no quesito segurança, já que apenas air bags frontais e freios ABS são obrigatórios. O ESP está na fila para se tornar mandatório, e enquanto isso não ocorrer, o equipamento será restrito a pacotes de opcionais, versões mais caras ou carros mais sofisticados.

Ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais

Notícias relacionadas


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais