Maserati trabalha em projeto de ‘hot hatch’ subcompacto

Imagens vazadas na internet mostram modelo derivado do Fiat 500, que pode servir como o segundo carro de quem já tem um Maserati


Hot hatch será derivado do Fiat 500, a exemplo do Aston Martin Cygnet, feito sobre base do Toyota iQ

Alguns anos depois que a Aston Martin lançou o Cygnet, “city car” que foi produzido entre 2010 e 2013 sobre a base do Toyota iQ, outra fabricante de luxo está prestes a colocar sua marca em um subcompacto. Vazaram na internet imagens do que parece ser o esboço de um protótipo baseado no Fiat 500, mas com o tridente da italiana Maserati, que pertence ao mesmo grupo de empresas FCA.

Chamado informalmente de Maserati 500, o carrinho poderia emplacar como uma segunda opção, para uso no dia a dia, de consumidores que já possuem modelos maiores (e mais beberrões) da marca, como o Quattroporte, o GranTurismo e o utilitário Levante (o próprio Cygnet era vendido apenas aos clientes que já eram donos de outros exemplares de Aston Martin). De quebra, esse poderia ser o primeiro passo da montadora de Modena em um segmento novo, o dos subcompactos premium.

O mais provável é que o carro traga um motor 1.4 turbo de 190 cv, com câmbio manual e emissões de poluente bem baixas. Por um modelo com essa proposta e a grife Maserati, é de se esperar um preço de entrada ao redor de US$ 50 mil (cerca de R$ 156 mil).


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas