Mercedes GLE 43 AMG é adrenalina tamanho família

Versão intermediária do SUV da Mercedes-Benz com apelo esportivo é para quem gosta de acelerar com muito conforto

mercedes
Mercedes-Benz GLE 43 AMG Foto: Mercedes-Benz

Na linha Mercedes-Benz, os modelos “43 AMG” têm pegada esportiva leve, não uma completa preparação, como ocorre com os “63 AMG”. Um dos mais novos integrantes da gama 43 é o imenso GLE, cujo preço sugerido é de R$ 499.900.

Intermediário na gama, o GLE 43 AMG é posicionado entre o 350 e o 63 AMG. Seu motor V6 turbo, de 3 litros, gera 367 cv e 53 mkgf a apenas 2 mil rpm. Os números do propulsor não são superlativos, até porque estamos falando de um utilitário de quase 2,2 toneladas.

Porém, combinado ao câmbio automático de nove marchas, esse motor proporciona uma agilidade surpreendente ao grandalhão em acelerações e retomadas. O GLE tem respostas rápidas, e acompanhadas de um instigante ronco esportivo quando a pressão no acelerador é forte. De acordo com a montadora, o carro acelera de 0 a 100 km/h em 5,7 segundos.

A suspensão, a direção e os freios têm preparação esportiva. Além disso, a tração é nas quatro rodas, com controles eletrônicos de distribuição. Por isso, mesmo sendo pesadão e grande (4,81 metros), o GLE é muito estável, passando total segurança ao motorista e com mínimo balanço de carroceria em alta velocidade.

O GLE 43 AMG é um carro para quem gosta de pimenta, mas também faz questão de conforto, espaço e luxo. Espaçoso, com 2,92 metros de entre-eixos, ele acomoda muito bem três pessoas no banco de trás, mesmo tendo túnel central alto. Os passageiros dessa parte do carro têm a disposição saídas de ar exclusivas.

Luxo

O acabamento é outro ponto forte desse carro. Painéis trazem plástico emborrachado, de ótima qualidade, e muito couro, com costuras bem feitas. A aparência geral da cabine é muito bonita, embora a tela central, que parece um tablet mal adaptado, destoe. O painel de instrumentos com grafismo esportivo é destaque.
Reestilização do Classe M com novo nome, o GLE ainda faz parte da antiga geração de modelos da Mercedes-Benz. Por isso, há uma certa defasagem ante alguns rivais, como o Audi Q7 e o Volvo XC90. Não há, por exemplo, controlador de velocidade de cruzeiro adaptativo, leitor de faixas ou sistema semiautônomo de condução.

Ficha Técnica

Preço sugerido
R$ 499.900
Motor
3.0, V6, 24V, turbo, gasolina
Potência (cv)
367 a 5.500 rpm
Torque (mkgf)
53 a 2.000 rpm
Câmbio
Automático, nove marchas
Porta-malas
690 litros


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Notícias relacionadas