Primeira LaFerrari pode ser vendida por ‘pechincha’

Unidade pré-série do superesportivo italiano será leiloada; valor pode ser bem menor que o praticado para produção corrente

Ferrari LaFerrari - Foto: RM Sotheby's

A casa de leilões RM Sotheby’s irá vender o primeiro protótipo da LaFerrari construído pela marca. Feito em 2013, o modelo esteve no Salão de Genebra daquele ano e foi o primeiro modelo apresentado a potenciais compradores, antes mesmo do lançamento oficial. O preço deve girar em torno de US$ 1,3 milhão.

Curiosamente, a LaFerrari pré-série pode sair por muito menos do que um modelo da produção corrente. Algumas LaFerrari já chegaram a ser vendidas por mais de US$ 5 milhões (e os valores continuam subindo). Mesmo sendo a primeira unidade produzida do modelo. O motivo: ela não pode rodar.

Isso mesmo, a unidade não foi homologada para uso e não pode ser registrada em nenhum país do mundo. Apesar de ser totalmente funcional, a própria Ferrari recomenda que o carro seja mantido inativo e usado apenas para exibições estáticas.

O US$ 1,3 milhão que o leilão deve conseguir ainda é uma enorme soma de dinheiro, principalmente para um carro que não pode ser dirigido. No entanto, certamente haverá algum comprador que irá colocá-la na sala de casa.


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Ofertas Carros 0km

Ofertas com condições especiais


Notícias relacionadas