Onboard Diego Ortiz

Renault Arkana será feito no Brasil em 2020

Renault Arkana é um SUV cupê que servirá como carro de imagem para a marca no País

arkana
Renault Arkana Crédito: Renault/Divulgação

Uma nova Renault vem aí no Brasil. A marca não usará mais os carros da Dacia como base. Sandero, Logan e Duster continuarão a existir, mas terão desenho próprio e até mesmo plataforma diferente. E um bom passo para uma empresa mostrar que está mudando e subindo de nível é ter um carro de imagem. Um que faça a sua logo brilhar. Este carro já tem nome, será o SUV cupê Arkana. Ele será fabricado no Paraná, em São José dos Pinhais, no fim da década.

Leia mais:

Instagram: @dicopr

O Arkana foi mostrado ainda como conceito na Rússia. Chega aos mercados em 2019, em especial os emergentes, onde a marca apostou nos modelos da Dacia e precisa mudar sua imagem. No Brasil, o acordo de fabricação já está assinado. O modelo seguirá os passos do Captur para trazer mais sofisticação para marca.

O Arkana é um projeto todo novo e não usará componentes dos modelos atuais da Renault, como o Captur faz com o Duster, por exemplo. Ele estará posicionado como modelo de topo da marca por aqui e vai brigar com o Peugeot 3008, na casa dos R$ 160 mil. Claro, ainda é cedo para falar de preços. Em dois anos muita coisa pode mudar, mas hoje seria esse o seu panorama.

Arkana faz parte de um grande plano da Renault

O modelo faz parte do plano Drive the Future da Renault, que pretende incrementar os volumes de vendas para até cinco milhões de unidades anuais até 2022.

O motor será o 1.3 Turbo feito em parceria com a Mercedes e que será usado nos próximos modelos da fabricante por aqui. Em carros menores, ele terá a configuração básica de 117 cv. Mas saltará para 160 cv no Arkana, já com injeção direta. O câmbio será automático de sete marchas.

Veja mais: Carros que não venderam nada em agosto


Ofertas 0KM

Mais ofertas

Mais ofertas exclusivas

Veja todas as condições especiais


Mais artigos