Você está lendo...
Teste: Creta Ultimate agrada com banho tecnológico e assusta no preço
Avaliação

Teste: Creta Ultimate agrada com banho tecnológico e assusta no preço

Equipado com motor 2.0 flex e câmbio automático, Hyundai Creta Ultimate agrada mais que versão 1.0 turbo, mas preço de R$ 163.990 é obstáculo

Diogo de Oliveira

09 de fev, 2022 · 11 minutos de leitura.

IPI
Hyundai Creta Ultimate encosta nos SUVs médios no preço e tenta compensar com tecnologias
Crédito:DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

A nova geração do Hyundai Creta estreou no Brasil faz seis meses, e, desde então, o SUV compacto feito em Piracicaba (SP) está bem nas vendas. Parte do desempenho vem da geração anterior, o Creta Active 1.6, que continua em linha. Mas logo ele será aposentado, e caberá ao novo Creta manter o vigor. A missão parece tranquila, porém, com a disparada dos preços dos carros, o modelo da Hyundai está cada vez mais colado nos SUVs médios, como Jeep Compass e Toyota Corolla Cross.

O Jornal do Carro testou o Creta Ultimate, versão topo de linha que traz motor 2.0 flex e câmbio automático de seis marchas. O conjunto é o mesmo do modelo anterior, mas recebeu ajustes para ficar mais eficiente e cumprir os novos limites de emissões do Proconve L7. Na prática, o 2.0 Smartstream agrada mais que o 1.0 turbo. O desafio é o preço. Após reajustes, a versão mais completa do SUV da Hyundai custa salgados R$ 163.990.


Preço x Tamanho

Para comparação, o Corolla Cross XR com motor 2.0 flex e câmbio CVT tem preço de R$ 161.990. Ou seja, é R$ 2.000 mais barato que o Creta Ultimate, e, na linha 2023, traz recursos semiautônomos, como frenagem automática de emergência, controle de cruzeiro adaptativo e assistente de permanência em faixa. O SUV da Hyundai também tem tais recursos e é bem mais completo de equipamentos. Porém, é um pouco menor.

Hyundai Creta Ultimate
DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

O novo Creta mede 4,30 metros de comprimento por 1,79 m de largura e 1,62 m de altura. O entre-eixos tem 2,61 m. Com essas medidas, é um dos maiores SUVs compactos do mercado. Porém, os médios são encorpados. O Corolla Cross, no caso, tem 4,46 metros de comprimento por 1,82 m de largura e 2,64 m de entre-eixos. A altura é a mesma, com 1,62 m. Já o porta-malas do Toyota leva 440 litros, enquanto o Hyundai recebe 422 l.


DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Mas é preciso reconhecer que o Creta Ultimate tem seus trunfos. O espaço interno sem dúvida é um deles. A cabine recebe cinco adultos com conforto e sobras para pernas e cabeças no banco traseiro, que conta com uma porta USB. Além disso, o SUV da Hyundai vem cheio de recheio. Há itens de alto valor agregado, como teto solar panorâmico, farol alto adaptativo e o moderno sistema de câmeras 360º com imagens de alta definição.

DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Conteúdo tecnológico

O Creta Ultimate vai na tendência da indústria. O SUV aposta todas as fichas no vasto conteúdo tecnológico. Por isso, há tudo e mais um pouco. A lista de segurança, por exemplo, tem seis airbags, incluindo bolsas laterais do tipo cortina, Isofix, controles eletrônicos de estabilidade e de tração, assistente de arranque em rampas, detector de fadiga do motorista, sensores de obstáculos dianteiros e traseiros, e câmeras de ponto-cego.

Hyundai Creta Ultimate
DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Ao acionar as luzes de seta para fazer uma conversão, imagens das laterais são exibidas na tela de 7" do quadro de instrumentos. O motorista, então, consegue ver se há outro veículo próximo antes de iniciar a manobra. Essa mesma tela atrás do volante pode ser customizada. Há uma grande variedade de informações, como, por exemplo, gráficos que indicam se uma das portas está aberta ou como está a pressão dos pneus.


DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Conectividade é ponto alto

Outro ponto importante é a qualidade percebida a bordo. A Hyundai caprichou mais no interior dessa nova geração, que continua a ter opção de duas cores. Ainda há muito plástico rígido, mas outras peças dão um toque elegante, como molduras black piano e prata. Esse "refinamento" também é visto em itens como o freio de estacionamento eletrônico por botão com função Auto Hold, que trava os freios ao parar no trânsito.

Hyundai Creta Ultimate
DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Conectividade é outro ponto forte do Creta Ultimate. O SUV traz o Bluelink, serviço conectado da Hyundai que permite ver informações do veículo e dar comandos à distância pelo smartphone. A bordo, tem carregador de celular sem fio e o destaque é a central multimídia com tela de 10,25", a maior dentre os SUVs compactos nacionais. Ela é retangular, tem resolução full HD e espelhamento com Android Auto e Apple CarPlay. Entretanto, a conexão com os sistemas ainda é feita por meio do cabo USB.

Hyundai Creta Ultimate
DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Motor agrada, mas não empolga

Sentado no banco do motorista, tudo é bem moderno e nada lembra o Creta anterior. No geral, a sensação é de se estar ao volante de um modelo de última geração. Com os sistemas semiautônomos de segurança, o SUV corrige a trajetória e detecta animais, pedestres e ciclistas. Ao manobrar, a câmera 360º torna a baliza mais fácil. Para citar algo que o SUV fica devendo, poderia ter ajustes automáticos no assento do motorista.


Hyundai Creta Ultimate
DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Ora, mas o novo Creta não tem pontos negativos? Pode contar que sim. A mecânica não é um símbolo positivo da nova geração. O motor 2.0 16V flex de quatro cilindros tem presença no SUV, e entrega uma direção mais prazerosa que o 1.0 turbo de três cilindros e injeção direta das demais versões básicas. São até 167 cv de potência com etanol e 20,6 mkgf de torque máximo a 4.700 rpm. Ou seja, bem mais que os 120 cv e 17,5 mkgf do 1.0 turbo flex que veio emprestado da linha HB20.

DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Pouco contra os rivais 1.3 turbo

Combinado ao câmbio automático de seis marchas, o Creta Ultimate é mais rápido, sobretudo no modo Sport. A Hyundai anuncia aceleração de zero a 100 km/h em 9,3 segundos, bom tempo para um SUV alto com 1,3 tonelada. Mas, com esse conjunto, o novo Creta não fará frente aos modelos com motores 1.3 turbo. É o caso do Renault Captur e do recém-lançado Duster turbo de 170 cv. E vem aí o Jeep Renegade 1.3 turbo de 185 cv.

Hyundai Creta Ultimate
DIOGO DE OLIVEIRA/ESTADÃO

Se fica divertido no modo Sport, o Creta 2.0 também bebe mais. Em nosso teste, chegou a marcar 6,5 km/l com etanol na cidade. Pelos dados do Inmetro, o SUV faz médias de 7,7 km/l na cidade e de 8,7 km/l na estrada com etanol. Já com gasolina no tanque, roda 10,9 km/l em ambiente urbano, e 12,4 km/l no ciclo rodoviário. Diante de tantas modernidades, falta ao Creta um motor mais forte e moderno.


Vale a compra?

O novo Hyundai Creta é atualmente um dos SUVs mais modernos do Brasil. Na versão Ultimate 2.0 flex automática, traz o que há de mais avançado em segurança e conectividade. O seu ponto fraco é o conjunto mecânico mais tradicional. Ao volante, o SUV convence com as várias tecnologias. O espaço interno é outro trunfo. O que pode atrapalhar é o preço na faixa dos SUVs médios. Em São Paulo, onde o ICMS é maior, o Creta Ultimate beira R$ 170 mil. Aí é outra categoria.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se

Prós

  • Tem farto conteúdo tecnológico na versão
  • Traz serviços conectados e multimídia moderna
  • Tem ótimo espaço interno para cinco adultos

Contras

  • Motor 2.0 não empolga nas acelerações
  • Visual exterior ultra moderno pode não agradar
  • Preço subiu demais e encosta nos SUVs médios

Ficha Técnica

Hyundai Creta Ultimate 2.0 flex automático

Motor

2.0 16V, 4 cil., duplo comando variável, flex

Potência

153 cv (G) e 167 cv (E) a 6.200 rpm

Torque

19,2 mkgf (G) e 20,6 mkgf (E) a 4.700 rpm

Cãmbio

Automático de seis marchas

Tração

Dianteira

Comprimento

4,30 metros

Largura

1,79 metro

Altura

1,62 metro

Entre-eixos

2,61 metros

Peso (ordem de marcha)

1.300 kg

Tanque de combustível

50 litros

Capacidade do Porta-malas

422 litros

Altura livre do solo

190 milímetros

Aceleração 0-100 km/h

9,3 segundos

Velocidade máxima

190 km/h

Preço sugerido

R$ 163.990

Hyundai New Tucson GLS
Oferta exclusiva

Hyundai New Tucson GLS

Deixe sua opinião