Você está lendo...
Novos C3, HB20S e Polo, Fiat Fastback e mais: os próximos lançamentos
Lançamentos

Novos C3, HB20S e Polo, Fiat Fastback e mais: os próximos lançamentos

Brasil receberá vários lançamentos importantes até dezembro, que vão desde hatches a SUVs e picapes; lista tem carros elétricos e de luxo

Jady Peroni, especial para o Jornal do Carro

04 de ago, 2022 · 19 minutos de leitura.

Lançamentos 2022
Novos VW Virtus, Chevrolet Bolt, Fiat Fastback e Citroën C3 chegam nas lojas brasileiras ainda em 2022
Crédito:Montagem/Divulgação

Depois de um primeiro semestre difícil, com muitas fábricas sofrendo com a escassez de chips, a indústria prepara um fim de 2022 repleto de lançamentos no Brasil. Haverá desde modelos compactos, como os novos Citroën C3 e Volkswagen Polo, e sedãs, como Hyundai HB20S e VW Virtus, a SUVs, como o Fiat Fastback e o novo Honda HR-V, que acaba de entrar em pré-venda. Os elétricos também terão boas novidades, com o novo Chevrolet Bolt finalmente dando as caras, e o Volkswagen ID.3, primeiro carro elétrico da marca alemã. Da mesma forma, virão luxuosos como o novo Range Rover.

Os próximos lançamentos no Brasil

Novo Citroën C3

Novo Citroën C3 brasil
Citroën/Divulgação

A nova geração do Citroën C3 está na reta final para a estreia no mercado brasileiro, também prevista para agosto. O hatch, inclusive, está bem atrasado no cronograma de lançamento, já que, de início, chegaria ao mercado em março deste ano. Mas, parece que agora é o momento. Por aqui, o mini SUV feito em Porto Real (RJ), terá visual completamente renovado. E um dos destaques será o porta-malas de 315 litros de capacidade. No total, o hatch terá ao menos seis configurações quando chegar às lojas. São elas: Live 1.0, Feel 1.0, First Edition 1.0, Feel 1.6, Feel 1.6 Pack AT, First Edition 1.6 AT.


As versões de entrada virão com o motor 1.0 Firefly de três cilindros e seis válvulas de origem Fiat. Ele gera 71 cv de potência e 10 mkgf de torque a 3.250 rpm com gasolina, e 75 cv e 10,7 mkgf com etanol. Neste caso, o câmbio é sempre manual de cinco marchas. Já as opções Feel, Feel Pack e First Edition terão o 1.6 flex de quatro cilindros e 16 válvulas da PSA. Este entrega 113 cv e 15,4 mkgf a 4.250 rpm com o derivado do petróleo, e 120 cv e 15,6 mkgf com o combustível de origem vegetal. As opções de câmbio se dividem entre manual de cinco marchas e automático de seis velocidades.

Novo Polo

Volkswagen Polo lançamentos
Volkswagen/Divulgação

O VW Polo é um dos hatches mais esperados de 2022. No geral, o modelo ganhará o visual atualizado do europeu com inspiração na oitava geração do médio Golf, que ainda não veio ao Brasil. O compacto, que está previsto para chegar entre agosto e setembro, receberá retoques importantes no visual, como nos faróis. Além de receber mais tecnologia, como a nova multimídia VW Play.


O compacto deve abandonar o motor 1.0 MPI flex de até 84 cv, que ficará para o Polo Track - que vem para substituir o campeão Gol logo no início de 2023. Assim, usará o motor 1.0 turbo flex de três cilindros que era do Up! TSI nas versões de entrada. Ele gera até 105 cv de potência e 16,8 mkgf de torque, e vem com o câmbio manual de cinco marchas. Logo acima, virá o 1.0 turbo TSI atual, com até 128 cv e torque de 20,4 mkgf, conectado ao câmbio automático de seis marchas. Por outro lado, a versão esportiva GTS deve permanecer com o 1.4 turbo de 150 cv.



Em relação ao Polo Track, a VW já está na reta final da modernização da fábrica de Taubaté para receber o modelo. Além do motor 1.0 de 84 cv, que utilizará para ter um preço competitivo e similar ao do veterano Gol, o novo hatch também deve oferecer o motor 1.0 turbo do antigo Up! TSI. Ou seja, será a versão com 105 cv de potência e torque de 16,8 mkgf com etanol. Este deverá ter opção de câmbio manual e automático.

Chevrolet Bolt

Chevrolet Bolt lançamentos
Chevrolet/Divulgação

Após muito atraso por causa da escassez de chips e de um recall de baterias, o novo Chevrolet Bolt, que teve pré-venda iniciada há um ano, está enfim a caminho do Brasil. A promessa é que o hatch elétrico reestilizado nos Estados Unidos em 2021 chegue por aqui ainda em agosto, com início das entregas até setembro.

O novo Bolt virá com uma lista de equipamentos de série robusta, que tem, por exemplo, uma tela multimídia de 10,2". Já o conjunto elétrico permanece igual. O motor gera 150 kW, o equivalente a 203 cv de potência, e um torque de 36,7 mkgf. Junto com ele vem um pacote de baterias de 65 kWh. A autonomia, segundo a GM, é de até 416 km. Com pré-venda no Brasil em julho de 2021, o novo Bolt vendeu todas as 20 unidades do primeiro lote em menos de 24 horas. O preço de cada exemplar, na época, era de R$ 317.000.

Fiat Fastback

Fiat Fastback lançamentos
Fiat/Divulgação

A Fiat acabou de divulgar as primeiras imagens de frente e de traseira do novo Fastback. Com previsão de lançamento em outubro, o utilitário terá a mesma base modular MLA do Pulse. Mas, será um tato mais comprido. Dessa forma, o novo SUV vai disputar o mercado com SUVs compactos maiores, como Hyundai Creta e Volkswagen T-Cross.

Na mecânica, o Fastback terá apenas motores turbo flex. As versões de entrada usarão o 1.0 de três cilindros e injeção direta, que é hoje o mais potente de cilindrada, com até 130 cv. Já o torque atinge 20,4 mkgf. O câmbio, por sua vez, será sempre o automático do tipo CVT com 7 marchas virtuais. Já as versões mais caras terão o motor 1.3 turbo flex, o mesmo já disponível na Fiat Toro e nos SUVs da Jeep (Renegade, Compass e Commander). Com potência de 185 cv e torque de 27,5 mkgf, esse motor atua em conjunto com o câmbio automático de 6 marchas.

Hyundai HB20S

HB20S 2023 lançamentos
Diogo de Oliveira/Estadão

Durante a apresentação oficial do novo Hyundai HB20, a marca revelou, como elemento surpresa, o novo HB20S reestilizado. A versão sedã, no entanto, chegará nas concessionárias apenas entre setembro e outubro. O modelo, inclusive, apresenta as atualizações feitas no hatch, porém, com elementos próprios, como as lanternas de LEDs que acendem de ponta a ponta da traseira - no HB20, a iluminação com LEDs é só nas extremidades.

A dianteira é idêntica. Já no interior, o HB20S terá opção na cor cinza claro, assim como nas versões anteriores. Além de ganhar novos equipamentos e recursos. Até o momento, não há informações sobre as versões de acabamento e preços. Mas, podemos esperar o motor 1.0 turbo de 120 cv de potência e 17,5 mkgf de torque para as versões mais caras, como a Platinum Plus. Enquanto isso, as variantes de entrada deverão vir com o 1.0 aspirado de 80 cv e 10,2 mkgf.

Novo Honda Civic

Honda Civic Cross SUV
Honda/Divulgação

Para a alegria dos fãs, a nova geração do Honda Civic, que saiu de linha no início deste ano, voltará ao Brasil no último trimestre de 2022. Desta vez, o modelo virá importado dos Estados Unidos, e deve retornar eletrificado na versão híbrida e:HEV. Além dela, pode ter a volta do Civic Si para disputar com Volkswagen Jetta GLI. Neste caso, terá o motor 1.5 turbo de 202 cv. A Honda também já confirmou o Civic Type R, mas a versão extrema virá só em 2023.

Novo VW Virtus

Virtus
Volkswagen/Divulgação

O Volkswagen Virtus 2023 começou a ser vendido na Índia em junho deste ano, dois meses após iniciar a produção. O sedã indiano, inclusive, antecipou as mudanças que serão feitas no modelo brasileiro, que vai estrear no segundo semestre de 2022. No entanto, até o momento, a marca não divulgou nenhuma data prevista de lançamento. Por aqui, a fabricante pretende fazer com que o modelo se descole do Polo. Portanto, a ideia é que o novo carro ocupe o lugar do Voyage.


Na Índia, o novo Virtus terá duas opções de motor. O 1.0 turbo de três cilindros que produz 114 cv de potência e 17,8 mkgf de torque, bem como o 1.5 TSI Evo, que gera 150 cv e 25,5 mkgf. Seja como for, a Volkswagen não revelou a estratégia de lançamento do Virtus no mercado brasileiro. Mas, o novo sedã já foi flagrado em testes. Vale lembrar que, com a recente disparada de preços, o Virtus de topo, GTS com motor 1.4 turbo, alcançou a faixa dos R$ 150 mil.

VW ID.3 elétrico

A Volkswagen está preparando o terreno para entrar no mercado de carros elétricos na América Latina desde o ano passado. Por isso, trouxeram ao Brasil os novos ID.3 e ID.4, que passam por testes finais. Embora não tenha sinalizado uma data para a chegada da dupla, é esperado que o hatch ID.3 venha em breve, com vendas ainda em 2022.


No portfólio, o ID.3 é o atual carro elétrico de entrada da VW e, portanto, o modelo ideal para encarar os últimos lançamentos da categoria, como Fiat 500e, Mini Cooper S E e Peugeot e-208 GT, além de Chevrolet Bolt e Nissan Leaf. Em agosto, o hatch da marca alemã foi o elétrico mais vendido da Europa, superando o Tesla Model 3.

Por ora, a VW não anunciou especificações. Contudo, a depender da versão, os ID podem entregar potências entre 145 cv e 299 cv. A autonomia, por sua vez, varia de 330 km a 550 km. Além disso, com a recarga rápida, é possível recuperar 80% da energia em 30 minutos.

Novo Range Rover

Range Rover
Diogo de Oliveira/Estadão

Poucos meses depois de ser revelado, no fim de 2021, o novo Range Rover já está a caminho do Brasil e deve chegar entre agosto e setembro nas versões híbridas. Recentemente, o Jornal do Carro teve a oportunidade de testar o modelo. Falando nos motores, experimentamos as opções a diesel e gasolina. Todos os diesel são híbridos leves, e o Brasil terá a opção D350 MHEV (Mild Hybrid). Esta traz um motor 3.0 turbodiesel de seis cilindros que gera 350 cv e 71,4 mkgf. Ele trabalha combinado a uma bateria/gerador que ajuda a reduzir o consumo. O câmbio é automático de oito marchas.

Mas, quem quiser pisar fundo e arrancar mais forte terá de escolher a versão First Edition P530 com motor 4.4 V8 biturbo a gasolina. Ele gera 530 cv e 76,5 mkgf de torque máximo, combinado ao mesmo câmbio automático de oito marchas. A tração, claro, é sempre 4x4 e a aceleração de zero a 100 km/h aqui leva só 4,6 segundos. Está versão deve ficar na faixa de R$ 1 milhão no Brasil.

Assim como o Ranger Rover 2022, a variante Sport também deve vir ao País. Mas, apenas em 2023. Até o momento, não se sabe ao certo quais versões serão importadas. Ainda vale mencionar que, em 2024, de acordo com a montadora, serão lançadas variantes em elétricas tanto para o Range Rover quanto para o Sport.


Lançamentos caminho das lojas

Pulse Abarth

Divulgação/Fiat

Prestes a completar o seu primeiro ano de vendas no Brasil, o Fiat Pulse ganhará em breve uma configuração esportiva. O Pulse Abarth, versão vitaminada do SUV compacto, chega às lojas no último trimestre deste ano. Para fazer jus ao logotipo do escorpião, símbolo da Abarth, o utilitário feito em Betim (MG) virá com o motor 1.3 turbo flex de injeção direta. Ele gera 185 cv de potência e um torque de 27,5 mkgf. Ou seja, não será apenas uma versão de visual esportivo, mas um SUV com desempenho consideravelmente mais forte que as demais versões com motor 1.0 turbo flex de até 130 cv e 20,4 mkgf.

Novo Honda HR-V turbo


A Honda iniciou a pré-venda oficial do HR-V no Brasil, partindo de R$ 142.500. No entanto, apenas as versões de entrada, EX e EXL, estão disponíveis neste primeiro momento. Estas são equipadas com o motor 1.5 flex aspirado que entrega 126 cv de potência e torques máximos de 15,8 mkgf (E) e 15,5 mkgf (G). Agora, as variantes mais caras, Advance e Touring, só serão entregues a partir de outubro. Justamente por isso, a marca ainda faz mistério sobre os dados de desempenho do motor 1.5 turbo flex, que devem ser revelados já no próximo mês.

Jeep Gladiator

brasil jeep
Jeep/Divulgação

Muito depois do previsto, a Jeep enfim vai lançar no Brasil a Gladiator, picape 4x4 derivada da 4ª geração do SUV Wrangler. O modelo estreia hoje, 4 de agosto, quando terá o preço anunciado. Como principais credenciais, a Jeep Gladiator herda do jipe Wrangler a plataforma e o motor 3.6 V6 Pentastar de 285 cv de potência. O torque é de 35,9 mkgf e o câmbio, automático de 8 marchas. Como esperado, há tração 4x4 com reduzida, bem como bloqueio dos diferenciais traseiro e dianteiro.


O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Deixe sua opinião