Lançamentos

Novo Citroën C3 tem primeiro teaser oficial revelado antes da estreia

Nova geração do Citroën C3 para países emergentes estreia nesta quinta-feira (16) e produção do compacto no Brasil começa já no fim de 2021

Diogo de Oliveira

14 de set, 2021 · 6 minutos de leitura.

Novo Citroën C3" >
Teaser mostra a dianteira do novo Citroën C3, que será global e estreia no Brasil no início de 2022
Crédito:Citroën/Divulgação

Para esquentar a revelação desta quinta-feira (16), a Citroën divulgou um teaser da nova geração do C3. Sem mostrar muito, a imagem exibe a dianteira do compacto e destaca o novo estilo da marca francesa, que une os faróis à grade do duplo chevron. Tal como esperado, o desenho parece idêntico ao das miniaturas indianas que entregaram o seu design.

O hatch responsável por popularizar a Citroën no Brasil vai renascer como um pequeno SUV urbano. Assim, será posicionado abaixo do atual C4 Cactus, que é o único modelo da marca à venda hoje no mercado brasileiro. Por isso mesmo, o novo Citroën C3 será de suma importância para os negócios da fabricante francesa do grupo Stellantis.

Nos planos da Citroën, há a expectativa de tornar o novo C3 um dos SUVs mais vendidos. Atualmente, essa categoria de utilitários pequenos ainda é representada por hatches aventureiros, como Hyundai HB20X e Renault Stepway. Portanto, a nova geração do C3 vem reinventar esse segmento, que tende a sucumbir ao avanço dos SUVs nos próximos anos.

lançamentos
Reprodução/Instagram

Nova base modular CMP

novo C3 foi feito na Índia com foco no baixo custo e com expectativa de altos volumes. Por isso, o compacto nascerá de versão mais simples da plataforma CMP, em uso por modelos europeus da marca e pelo novo 208. Assim, deverá ter preços competitivos para brigar nessa nova categoria de SUVs pequenos, que logo terá o Fiat Pulse.

Para a fábrica de Porto Real (RJ), a chegada do novo C3 vai inaugurar uma nova era com a introdução da base CMP. O pequeno SUV da Citroën será o primeiro de uma nova linha de carros das marcas da PSA. Assim, a arquitetura servirá a outro SUV de entrada com o logotipo da Peugeot. O nome 1008 é um dos possíveis batismos do modelo.

Novo Citroën C3
Novo Citroën C3 europeu inspirou design (Citroën/Divulgação)

Produção começa no fim do ano

Tal como antecipamos no Jornal do Carro, o novo C3 será feito no Brasil, a exemplo da geração anterior, que saiu de linha no início de 2021. O mini SUV sairá, portanto, da fábrica da PSA em Porto Real, onde a produção está prevista para ter início em dezembro. O nome ainda é segredo, mas a marca francesa deverá manter o batismo, bem como o sobrenome Aircross.

Assim, é esperado que o novo Citroën C3 chegue às lojas brasileiras logo no início de 2022. A expectativa é de que as vendas comecem no primeiro trimestre ou até abril. Porém, isso dependerá da estratégia que a francesa adotará em relação às versões, equipamentos e, principalmente, na escolha dos motores, que deverão ter opção do 1.0 3-cilindros da Fiat.



De início, espera-se que o novo C3 traga a mesma mecânica do Peugeot 208. Ou seja, o motor 1.6 16V flexível de até 118 cv e 15,47 mkgf, e o câmbio automático de seis marchas. Isso nas versões de topo. Na entrada, o modelo deverá oferecer o 1.0 Firefly da Fiat, com até 77cv e 10,9 mkgf de torque com etanol, e câmbio manual de cinco marchas.

Mas também é possível que o Citroën ofereça o novo 1.0 GSE turbo, da Stellantis. Este motor vai estrear no Fiat Pulse nas próximas semanas, junto com um novo câmbio CVT. A revelação do novo Citroën C3 será, portanto, nesta quinta-feira (16) em transmissão simultânea para o Brasil, a Índia e outros mercados da África, Ásia e Europa.

O Jornal do Carro está no Youtube

Inscreva-se
Continua depois do anúncio